Guia de compras

Máquinas fotográficas: guia de compras

17 maio 2016
Como comprar máquinas fotográficas

17 maio 2016
Compactas, reflex ou híbridas, para encontrar a máquina fotográfica digital dos seus sonhos, distinga as características essenciais, da resolução das fotografias ao zoom.
Na escolha de uma máquina fotográfica digital, esteja atento à resolução do sensor, que indica o número de pontos das fotografias. Quanto maior for a resolução, mais facilmente pode ampliar fotografias sem perder qualidade. Uma máquina fotográfica digital com 8 megapixels oferece uma resolução para impressões, mesmo em grandes formatos, como o A3. É também uma resolução mais do que suficiente para permitir manipular no computador.

A diferença entre a distância focal mínima e máxima das lentes indica a sua capacidade para ampliar. Uma distância focal de 50 mm corresponde a uma perspetiva similar à da visão humana. Menor distância focal reduz o tamanho do motivo, mas alarga o ângulo de visão, o que permite à máquina fotográfica digital capturar uma área maior (indicado para paisagens ou fotografias de grupo). Um valor superior amplia o motivo e diminui o ângulo de visão. Esta solução é adequada para fotografias de detalhe ou motivos distanciados do fotógrafo.

Quanto maior o zoom ótico, mais versátil a máquina fotográfica digital, mas mais cara, volumosa e pesada. A maioria possui zoom digital. Este não é comparável ao ótico: a ampliação é feita de modo artificial, o que reduz a resolução das imagens e a qualidade geral.

A abertura do diafragma indica a luminosidade das lentes. Uma maior abertura permite fotografar com menos luz. A abertura total da lente corresponde ao valor f/1. Consoante aumenta, diminui a abertura. À medida que aumenta a distância focal, o valor da abertura máxima diminui. Por isso, uma máquina fotográfica digital com zoom tem dois valores para definir a abertura: por exemplo, f/2,8 – 3,4. Neste caso, quando o zoom está completamente recolhido, a abertura máxima é de f/2,8 e, quando se aplica o zoom máximo, passa para f/3,4.

Mais memória, mais fotografias
Regra geral, a máquina fotográfica digital só aceita um tipo de cartão. Alguns modelos incluem capacidade de armazenamento interna que, regra geral, é reduzida. A quantidade de fotos que armazena depende da sua capacidade, mas também da resolução, do formato (o mais usado é o JPEG) e da taxa de compressão. Por exemplo, ao escolher o formato JPEG em alta qualidade numa máquina com 8 MPx, consegue guardar cerca de 250 fotos num cartão de 1 GB.

A maioria dos aparelhos são vendidos com baterias recarregáveis e o carregador. Quando a máquina fotográfica digital se faz acompanhar de pilhas alcalinas, terá de comprar carregador e pilhas. As alcalinas de pouca capacidade, medida em mAh, esgotam-se com demasiada rapidez, sobretudo quando se usa o flash.

Um estabilizador de imagem ótico é útil, sobretudo quando utiliza uma distância focal elevada ou a iluminação é fraca. Atenua as vibrações causadas pelo tremor involuntário da mão e reduz a probabilidade de obter fotografias desfocadas. Este aspeto faz a diferença quando dispara com o zoom no máximo ou em cenários de pouca luz com uma velocidade de obturação mais lenta.

Se quer fotografias imaginativas, opte por uma máquina fotográfica digital com definição manual do valor da abertura do diafragma e da velocidade de obturação. Serve para destacar um motivo, enquanto desfoca o fundo, ou capturar um efeito de movimento (com uma velocidade de obturação mais lenta).

Imprimir Enviar por e-mail