Notícias

Cerca de 14 mil portugueses avaliam fornecedores de energia

Conheça o nível de satisfação com as empresas de gás natural e eletricidade e saiba como descobrir o melhor tarifário.

  • Dossiê técnico
  • Ana Almeida e Pedro Silva
  • Texto
  • Isabel Vasconcelos
29 setembro 2021
  • Dossiê técnico
  • Ana Almeida e Pedro Silva
  • Texto
  • Isabel Vasconcelos
chama acesa num bico de fogão a gás

iStock

A Iberdrola e a Endesa apresentaram mais problemas do que a média, entre os comercializadores de eletricidade. No gás natural, a Iberdrola voltou a revelar mais falhas do que as restantes entidades. Já na oferta dual (um único contrato para as duas energias), foi a Endesa a revelar mais queixas.

Obtivemos esta informação através do inquérito online anual realizado aos nossos subscritores, em março e abril de 2021. Os resultados baseiam-se em 14 005 respostas válidas, que nos permitiram avaliar 16 fornecedores de eletricidade, 13 de gás natural e quatro da oferta dual.

Os resultados do inquérito revelam que apenas uma pequena percentagem dos inquiridos mudou de fornecedor nos últimos 12 meses. Contabilizámos 16% na eletricidade, 7% no gás natural e 18% entre os que optaram pela oferta dual.

Os restantes não mudaram por considerarem que não há diferença suficiente entre fornecedores ou por estarem satisfeitos com o atual. No último caso, e se as tarifas agradarem, faz sentido não mudar. Já se considerar a fatura elevada, o melhor é consultar o nosso simulador para descobrir se tem o tarifário mais indicado para o consumo de eletricidade e gás natural que faz em casa. Preencha os dados e fique a conhecer a proposta com o melhor custo para si. Nada paga por mudar, e pode até poupar alguns euros na fatura mensal.

Mais problemas na eletricidade

Cerca de um quinto dos inquiridos referiu ter tido, pelo menos, um problema com o fornecedor de eletricidade nos 12 meses anteriores à participação no inquérito (21 por cento). Informação em falta ou incorreta, interrupção do serviço e faturas incorretas foram as falhas mais apontadas pelos consumidores.

Entre os utilizadores de gás natural, 11% referiram, pelo menos, um problema no último ano. A Iberdrola registou mais reclamações do que a média da concorrência. Já a Setgás e a Lisboagás originaram menos queixas do que as restantes. No grupo das empresas com oferta dual, houve 17% de inquiridos a apontarem, no mínimo, um problema, com a Endesa a revelar mais queixas e a Goldenergy menos.

Os níveis de satisfação global variam bastante. Nas empresas de eletricidade, Coopérnico, Enat e Ylce destacam-se junto dos clientes. A transparência da fatura é dos critérios que deixam os inquiridos mais agradados com a Coopérnico. Na Enat e na Ylce, os serviços do site são o que mais convence. No outro extremo da avaliação, encontramos a Iberdrola, a Eletricidade da Madeira, a Audax e a Eletricidade dos Açores como os fornecedores com um índice de satisfação mais reduzido.

A satisfação com as empresas de gás natural varia menos do que na eletricidade. Mesmo assim, existem comercializadores que conseguem clientes mais satisfeitos do que outros, com uma pontuação superior a 6,5 em dez. Nestes, a transparência da fatura é o critério que mais agrada.

Entre quem optou por receber as duas energias do mesmo fornecedor, o nível de satisfação é idêntico para as empresas. Os serviços do site são o que mais se destaca.

eletricidade

gas natural

eletricidade e gas

Poupe nos custos da energia

Se não está satisfeito com o comercializador ou considera a fatura muito elevada, use o nosso simulador e mude. Decidido o tarifário, contacte a nova empresa, para assinar o contrato. Esta trata também dos procedimentos necessários para a mudança. Não precisa de cancelar o contrato com o anterior fornecedor. Entretanto, receberá uma fatura da empresa antiga, para fechar as contas. O novo comercializador enviará as seguintes.

Mas, para poupar, não basta trocar de fornecedor: terá também de reduzir o consumo.

  • Opte pelo programa económico na lavagem da roupa e da loiça, quando possível.
  • Evite deixar aparelhos em standby, consumo responsável por 10% da fatura.
  • Adira à tarifa bi-horária, se o seu perfil for compatível. Para tal, verifique os consumos nas horas cheias e de vazio (de maior e menor consumo) e, se 50% da eletricidade for gasta nas horas de vazio, a tarifa bi-horária pode ser uma boa opção. Procure concentrar os consumos à noite e ao fim de semana, quando a tarifa é mais baixa.

Se a maioria dos consumidores insatisfeitos contratarem a energia a outros comercializadores, pressionarão os primeiros a melhorarem o serviço. É ainda importante as empresas apostarem mais no apoio ao cliente e emitirem faturas claras.

É nosso subscritor e precisa de esclarecimentos personalizados? Contacte o nosso serviço de assinaturas. Relembramos ainda que pode aceder a todos os conteúdos reservados do site: basta entrar na sua conta

Se ainda não é subscritor, conheça as vantagens da assinatura.

Subscrever

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.