Dicas

Como medir a febre corretamente?

19 dezembro 2022
mão a agarrar num termómetro

Há termómetros analógicos e digitais, de inserção e de infravermelhos. Permitem verificar a temperatura na axila, no reto, na boca e, nalguns casos, no ouvido ou na testa. Seja qual for o equipamento, é essencial saber usá-lo corretamente. Veja onde e como medir a febre com precisão.

A temperatura pode ser medida no tímpano (ouvido), na boca, na testa, na axila e no reto. O valor determinado pelo termómetro pode variar com o local. De uma forma simples, qualquer medição acima de 38ºC corresponde a febre. Ao realizar a medição, evite ambientes muito quentes.

Onde medir a febre: 5 locais

  1. AxilaÉ o método mais usado e o mais prático, mas não é tão preciso como a medição retal e é mais demorado. Basta colocar o termómetro em contacto com a axila e manter o braço firmemente apertado junto ao tórax durante alguns minutos. Também pode ser aplicado em bebés até aos três meses, desde que segure o bebé ao colo e mantenha o termómetro na axila. Pressione o braço contra o corpo enquanto faz a medição.
  2. Boca. Coloca-se o termómetro por baixo da língua, com a boca fechada. Aguarda-se três minutos, no caso dos termómetros analógicos, ou até se ouvir o sinal de fim de leitura, nos digitais. Atualmente, também existem chupetas digitais para o efeito. Evite bebidas quentes ou frias 30 minutos antes da medição. As crianças até aos quatro ou cinco anos terão dificuldade em manter a boca fechada tempo suficiente para a medição. Por isso, este método não é recomendado até esta idade.
  3. Ouvido (tímpano). Cómodo e rápido, mas requer um termómetro próprio. A ponta deste deve ser introduzida no canal auditivo, em direção ao tímpano. A temperatura é mais elevada do que a medida na axila, mas está sujeita a grandes variações, inclusive entre os dois ouvidos. Convém fazer a medição sempre no mesmo ouvido e repeti-la. Pode ainda ser menos fiável em caso de excesso de cera ou otite. Não é aconselhável para crianças com menos de três anos, que podem ter um canal auditivo demasiado estreito.
  4. Reto. É a medição mais precisa e indicada para os bebés. A técnica consiste em introduzir a ponta prateada do termómetro no ânus, sem forçar, durante dois minutos ou até ouvir um sinal sonoro. A tarefa será mais fácil se, antes, lubrificar a ponta do termómetro, por exemplo, com vaselina.
  5. Testa. Apenas possível com termómetros por infravermelhos. Apesar de fácil de medir – basta aproximar ou encostar o termómetro, conforme as indicações –, esta temperatura está entre as menos fiáveis. Em geral, considera-se febre a partir de 38ºC, mas não há consenso sobre o valor.

Quando é considerado febre?

A temperatura corporal é influenciada por vários fatores e varia com o local de medição. Por norma, considera-se febre:

  • temperatura retal ≥ 38ºC, em adultos e crianças;
  • temperatura axilar 37,5ºC, em adultos, e ≥ 37,6ºC, em crianças; 
  • temperatura timpânica ≥ 37,7ºC, em adultos, e ≥ 37,8ºC, em crianças;
  • temperatura oral 37,5ºC, em adultos, e ≥ 37,6ºC, em crianças.

Qual o melhor termómetro?

Termómetro analógico ou digital?

Esta será, porventura, a primeira questão que se põe na altura de escolher um termómetro. Os primeiro, em vidro, demoram mais a medir (cerca de três minutos) e a escala da temperatura pode ser difícil de ler. Além disso, existe pouca oferta no mercado destes dispositivos. Os termómetros digitais são mais práticos e mais rápidos.

Termómetro digital de inserção ou infravermelhos?

Os termómetros de infravermelhos são mais caros do que os termómetros de inserção, e o teste da DECO PROTESTE revela que não são melhores.

Veja os resultados do teste a termómetros

Como limpar o termómetro?

Por questões de higiene, um termómetro de inserção, analógico ou digital, que é usado para temperatura retal não deve ser usado para medir a temperatura oral e vice-versa. Por isso, é importante ter os termómetros devidamente etiquetados consoante a sua utilização.

Antes e depois de utilizar um termómetro:

  • lave-o com água fria e sabão;
  • desinfete com álcool;
  • volte a passá-lo por água fria;
  • seque-o.

Não se esqueça de guardar bem o termómetro depois de o utilizar, mantendo-o fora do alcance das crianças.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

Exclusivo Subscritores Superior

Descubra todas as vantagens durante 2 meses, por apenas € 2

Além do acesso ilimitado ao portal, tem mais de 50 juristas ao seu dispor, o cartão DECO + para descontos imediatos e revistas com estudos independentes.

Se já é nosso subscritor,  faça login para ler o artigo completo.


Subscrever