Notícias

Pensões mínimas: conheça os novos valores

O valor das pensões para 2022 foi atualizado. Os aumentos variam entre 0,24 e 1 por cento, havendo novos montantes para as pensões mínimas.

  • Especialista
  • Nuno Carvalho
20 dezembro 2021
  • Especialista
  • Nuno Carvalho
casal de reformados a calcular a reforma

iStock

Já são conhecidos os valores de atualização das pensões para 2022. Os aumentos oscilam entre 0,24% e 1%, não havendo, em regra, atualização para as pensões de valor igual ou superior a 5318,40 euros. Também há um crescimento nos valores das pensões mínimas.

As pensões mínimas no regime geral de Segurança Social passam a ser de:

  • 278,05 euros (mais 2,75 euros), para menos de 15 anos de descontos;
  • 291,68 euros (mais 2,89 euros), para 15 a 20 anos de descontos;
  • 321,86 euros (mais 3,19 euros), para 21 a 30 anos de descontos;
  • 402,32 euros (mais 3,98 euros), para 31 ou mais anos de descontos.

O montante da pensão social do regime não contributivo passou a ser 213,91 euros, mais 2,12 euros do que em 2021. A esta tem direito quem não descontou para a Segurança Social, atingiu a idade da reforma (66 anos e 7 meses, em 2022) e faz parte de um agregado familiar com baixos rendimentos. A esta pensão acresce o complemento extraordinário de solidariedade, cujo valor fica em 18,62 euros (mais 18 cêntimos), para quem tem menos de 70 anos, e em 37,23 euros (um acréscimo de 37 cêntimos) para quem já completou sete décadas de vida.

O complemento por dependência é de 106,9 euros (mais um euro e seis cêntimos), nas situações de 1.º grau, e de 192,52 euros (um acréscimo de 1,91 euros), nas de 2.º grau (pessoas que, além de estarem numa situação de dependência, se encontram acamadas). No regime não contributivo, os valores são, respetivamente, 96,26 euros (mais 95 cêntimos) e 181,82 euros (mais 1,8 euros).

Quanto às pensões pagas pela Caixa Geral de Aposentações, os valores mínimos passam a ser os seguintes, segundo os anos de serviço:

  • 259,85 euros (mais 2,57 euros), de 5 a 12 anos;
  • 270,84 euros (mais 2,68 euros), mais de 12 e até 18 anos;
  • 289,53 euros (mais 2,87 euros), mais de 18 e até 24 anos;
  • 324 euros (mais 3,21 euros), mais de 24 e até 30 anos;
  • 429,29 euros (mais 4,25 euros), para mais de 30 anos.

 

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.