última atualização: 09/04/2021

Que caldeira a gás natural escolher?

Viva,

tenho uma caldeira Baxi Nuvola 24 a gás natural com termoacumulador integrado com 20 anos e tem dado problemas na placa, no ventilador e mais algumas peças. É hora de trocar.

Vivo numa moradia em banda T4, com 12 radiadores distribuidos por 2 pisos, numa área bruta total de 225m2.

Tenho duvidas em primeiro lugar relativamente ao dimensionamento do equipamento a comprar, isto é, a potência necessária e se necessito de termoacumulador ou não. Gostaria de acreditar que uma caldeira com 24Kw e sem termoacumulador ou com micro acumulação seja suficiente, mas não tenho como confirmar isto antes de adquirir... as caldeiras com termoacumulador são bastante mais caras...

Já me sugeriram uma caldeira um pouco mais potente (28Kw) que de certa forma ajudaria a atenuar a "falta" do termoacumulador mas tenho poucos elementos para ter certeza sobre esta hipotese.

Portanto a minha questão em primeiro lugar é neste sentido, que equipamento adquirir para este dimensionamento, e em 2º lugar marcas recomendadas. Tenho Baxi aqui perto de casa e reagem rapidamente a uma necessidade de assistênia, mas também tenho ouvido falar maravilhas das caldeiras Wolf e Riello, tenho receio que haja pouca assistência, o que recomendam?

Desde já obrigado.

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Aquecer o ar e climatizar da comunidade Energias Renováveis

3 Comentários

Filtrar por :
Faça login para aceder a este conteúdo. 
09/02/2021

Bom dia Sr. David Ribeiro,

Agradecemos o seu contacto.

Em primeiro lugar deve optar por uma caldeira a condensação, que são mais eficazes e permitem obter poupanças até 30% em comparação com outras caldeiras. Verifique com o instalador as condições de exaustão dos gases.

Se possível escolha uma caldeira compatível com sistemas solares, pois assim pode interligar um sistema solar térmico em termossifão e reduzir os custos do gás em cerca de 75%.

Relativamente à potência, se optar por uma caldeira com uma potência superior a 24KW consegue ter uma potência maior ao nível do aquecimento, mas também uma maior produção de AQS, cujo valor pode variar de 13,8l/min em caldeiras de 24KW e de 16,1l/min em caldeiras de 28KW. Este tipo de solução não permite ter duas casas de banho a funcionar ao mesmo tempo, situação que é conseguida se tiver um depósito integrado na caldeira como tem atualmente. Se não houver esta necessidade, então pode optar por uma caldeira de produção de AQS de forma instantânea.

Verifique também qual o consumo do seu chuveiro e caso seja elevado opte por trocar a cabeça de chuveiro e assim reduzir o consumo de água quente e consequentemente de gás. Veja mais informação em https://anqip.pt/images/catalogo-produtos-certificados-chuveiros.pdf

Quanto ao controlo do aquecimento adquira um termóstato ambiente mais recente que lhe permita um controlo a distância, através de aplicação.

Se tem uma boa assistência mantenha a mesma marca, mas aconselho a que solicite o parecer dos mesmos sobre qual a melhor solução par si e posteriormente peça ao instalador para verificar as condições de instalação. Desta forma a sua escolha é mais segura.

Cumprimentos,

Equipa das energias renováveis

Faça login para aceder a este conteúdo. 
06/04/2021
, Respondeu:

Boa tarde. Explique se faz favor, para ficarmos a saber, como consegue obter 30% de economia com uma caldeira de condensação? Muito obrigado.

Faça login para aceder a este conteúdo. 
09/04/2021
, Respondeu:

Bom dia,
Em caldeiras convencionais, o calor dos gases de combustão é libertado para a atmosfera.
A tecnologia de condensação permite aproveitar a energia que se encontra nos gases de combustão, ou seja: na passagem dos produtos de combustão, existe uma transmissão de calor para a água do circuito, ocorrendo o arrefecimento destes gases até ao ponto de condensação do vapor de água contido nos mesmos.
Desta forma, é possível recuperar energia e utilizá-la na Caldeira para aquecimento adicional, permitindo assim aumentar de maneira significativa o rendimento da mesma e assim economizar energia.

Cumprimentos,
Equipa das energias renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.