última atualização: 05/11/2021

Autoconsumo de energia

Boa tarde

No dia 30 de Junho 2021, instalei 6 painéis fotovoltaicos para produção de energia. Ao fim de 3 meses, continuava a receber facturas de energia com o mesmo valor que recebia sem os painéis. Após reclamação a E-Redes, informaram que teria de alterar o contador com o custo de 141€. Como neste país só tens opção de pagar, assim o fiz. Acontece que continuo a receber facturas, ainda mais elevadas do que no período sem produção de energia. As reclamações são surdas, pois se não pagar as facturas, ameaçam com corte de energia.

O fornecedor Goldenergy diz que não tem informação da E-Redes, a E-Redes diz que está com problemas.. o cliente é sempre o único prejudicado.

Agradeço a vossa ajuda, pois já me arrependi mil vezes de ter gasto 3.200€ para baixar o valor da factura de energia.

 

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Produzir eletricidade da comunidade Energias Renováveis

1 Comentários

Filtrar por :
Faça login para aceder a este conteúdo. 
05/11/2021

Bom dia,

No seguimento do seu contacto, peço que nos informe dos seguintes elementos:

1) Marca, modelo e potência dos painéis fotovoltaicos;

2)  Marca, modelo e potência do inversor central ou microinversores aplicados;

3) Existência de sistema de monitorização de consumos versus produção;

4) Se o registo da unidade foi feito e se têm acesso ao user e password do seu registo;

5) Indicação do concelho e freguesia da sua instalação;

6) se o contrato é trifásico ou monofásico e potência contratada;

No caso de ter instalado um medidor de consumos no quadro elétrico principal, que terá de ser da mesma marca do inversor ou microinversores, pode ativar a injeção Zero e desta forma não irá injetar qualquer valor na rede.

Caso não tenha esse equipamento então deve desligar a Unidade de produção de energia (UPAC) até que a situação fique regularizada, pois toda a energia injetada pode estar a ser contabilizada como consumo e face a isto o valor que está a pagar ser superior.

Contacte a empresa que realizou a instalação para que o possa auxiliar nesta situação.

Relativamente ao funcionamento do contador e visto que não está a enviar a informação para o operador, aconselhamos a que solicite a ativação da porta HAN (comunicação) do seu equipamento. Para proceder a essa ativação consulte: https://www.e-redes.pt/pt-pt/redes-do-futuro-redes-inteligentes/servicos-redes-inteligentes/acesso-porta-serie-de-comunicacao. Essa ativação tem um custo de 14€ + IVA.

Após essa ativação pode ligar um equipamento de medição, e conseguir visualizar a informação que é disponibilizada pelo seu contador, nomeadamente os consumos elétricos (em cada fase no caso de ser trifásico) e a energia injetada na rede. Um dos utilizadores da nossa comunidade sugeriu o equipamento da marca eot (www.eot.pt).

Através desta analise já consegue saber o que está a acontecer com a sua instalação e se o valor que posteriormente lhe está a ser cobrado pelo operador está correto.

Por ultimo, e visto que tem uma instalação com 6 painéis e provavelmente com bastante energia injetada na rede deve ponderar a venda da energia excedente, porque apesar da venda ser um valor relativamente baixo, sempre pode ir recuperando o investimento realizado.

Cumprimentos,

Equipa das energias renováveis