Notícias

Conduzir de chinelos dá multa?

01 julho 2020
posso conduzir de chinelos

O Código da Estrada não prevê coimas para quem conduz de chinelos. Mas outros comportamentos aparentemente inocentes podem implicar um rombo de € 30 a € 600 na carteira.

Início

O Código da Estrada não determina que tipo de roupa ou calçado pode usar enquanto conduz. O que existe é uma prescrição genérica segundo a qual os condutores devem "abster-se da prática de atos suscetíveis de prejudicar o exercício da condução com segurança".

Essa prescrição apela ao bom senso: deve evitar situações que coloquem em causa a capacidade de conduzir sem representar perigo para si e para os outros. 

Se a polícia entender que um comportamento implica riscos durante a condução, pode multar o condutor.

Evite coimas de € 30 a € 600

Fumar um cigarro, retocar o batom ou o rímel enquanto está no "para-arranca" parecem atividades inofensivas. Mas podem prejudicar a condução em segurança e, por isso, podem ser punidos com coima 60 e os 300 euros.

A lei é mais específica no uso do telemóvel durante a condução. Mexer no aparelho é expressamente proibido, o que inclui escrever mensagens de texto. É possível falar ao telemóvel, mas apenas se usar um auricular num dos ouvidos ou um sistema de alta voz. A coima para quem desrespeitar estas regras é mais alta: varia entre 120 e 600 euros.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós