última atualização: 25/07/2021

Que melhor opção para um sistema AQS e aquecimentos central

Boa tarde,

Possuo  uma moradia na costa Oeste portuguesa, com 180 m2, 2 pisos fora uma cave com 20m2. Tem atualmente uma caldeira a gás e um cilindro de 100 l , ambos com 25 anos, para fornecimento de AQS e água quente para um sistema de aquecimento central (AC) através de radiadores. Tem uma utilização sazonal, 4 pessoas. Dada a proximidade do mar e do vento norte é, de todo, inconveniente ter equipamentos no exterior da moradia.

Estando atualmente o depósito de água a necessitar de substituição qual a melhor alternativa para um sistema de fornecimento de AQS e águas quentes destinadas aos radiadores de AC?

Agradeço antecipadamente as vossas sugestões.

Maria Teresa Barata

 

User name

Junte-se a esta conversa

Participe nesta conversa, deixando o seu comentário ou questão em Aquecer água da comunidade Energias Renováveis

1 Comentários

Filtrar por :
Faça login para aceder a este conteúdo. 
25/07/2021

Boa tarde Sr.ª Maria Barata,

Se até ao momento o equipamento existente funciona corretamente sem problemas, eu sou da opinião que deveria mantê-lo, trocando apenas o depósito de 100L por um com maior capacidade, por exemplo de 200L, tendo em conta que são 4 pessoas. Se por exemplo a casa passar a ter uma utilização maior e se existirem condições para isso, pode optar pela colocação de um depósito de dupla serpentina que lhe irá permitir no futuro a aplicação de um sistema solar térmico para aquecimento das AQS.

Verifique a qualidade da água e se for necessário coloque um sistema de tratamento afim de evitar problemas futuros que irão degradar a tubagem das águas da moradia, assim como o depósito.

Relativamente à caldeira e visto que também tem 25 anos, opte por uma caldeira de condensação, que tem um consumo menor de gás.

Espero ter ajudado, mas se tiver mais questões peço que coloque.

Cumprimentos,

Equipa das energias renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.