Notícias

Os melhores tarifários com internet para aproximar quem está longe

Só tem telefone fixo em casa e precisa de net no telemóvel? Quer mudar para um pacote completo com TV, internet e telefone fixo? Analisámos o mercado e fizemos uma seleção das opções mais vantajosas.

  • Dossiê técnico
  • Sofia Costa
  • Texto
  • Maria João Amorim
11 maio 2020
  • Dossiê técnico
  • Sofia Costa
  • Texto
  • Maria João Amorim
Covid-19: fazer videochamadas com os avós

iStock

Apesar de o País ter passado para situação de calamidade pública, e de estar em marcha o levantamento gradual das restrições, a Direção-Geral da Saúde (DGS) continua a incluir o isolamento social no rol de recomendações essenciais para o combate à covid-19. Para continuar ligado à família e aos amigos, esta pode ser uma oportunidade para rever os serviços de comunicações que tem em casa ou – mais importante ainda, porventura - os que os seus pais e avós têm contratados.

Descubra o tarifário ideal

Só telefone fixo em casa?

Poderá ser o caso de pessoas mais velhas, pouco familiarizadas com as tecnologias disponíveis atualmente e com o uso da internet. Podem até nem ter nenhum serviço de telecomunicações ou, tendo telefone fixo, não pretenderem subscrever qualquer outro serviço fixo. Por isso, para que possam, por exemplo, comunicar com a família através de videochamadas, a primeira hipótese é recorrer a um smartphone e aprender a manejá-lo. Será uma aprendizagem desafiante, sem dúvida, quer pelo facto de se tratar de uma tecnologia pouco comum aos olhos e hábitos destes consumidores, quer por, provavelmente, ter de ser feita à distância, tratando-se de alguém que, por pertencer a um grupo de risco, necessitar de ficar protegido de contactos externos.

Veja os resultados dos nossos testes a telemóveis no comparador.

Para facilitar, outro membro da família ou amigo pode encomendar o telemóvel e o cartão e recebê-los em sua casa, configurar o aparelho e entregá-lo ao familiar, respeitando as orientações das autoridades de saúde.

Se já tem um smartphone, basta alterar o tarifário para um plano com um plafond maior de internet. Também pode comprar um novo cartão com o tarifário que pretende.

Confirme as melhores opções para aceder à internet móvel (com pelo menos 4 GB para uso regular em videochamadas) na primeira semana de maio (os preços variam com frequência).

Para ter internet no telemóvel

  • Escolha Acertada: Vodafone You 1 GB, 3 GB ou 5 GB, sem fidelização, entre € 8 e € 10 euros a cada 2 semanas, Qualidade Global de 76 por cento.

A Escolha Acertada reflete a opção mais barata, sem fidelização, com melhor Qualidade Global, indicador definido com base na avaliação da satisfação dos consumidores, que aferimos a partir de um inquérito realizado todos os anos.

Contas feitas, para este cenário, a nossa Escolha Acertada representa um custo mensal entre € 17,38 e € 21,73 por mês e não tem o "peso" da fidelização.

Se quiser usar este tarifário apenas para videochamadas, usando as aplicações mais conhecidas (como o Skype) basta selecionar a opção de 1 GB com o chat pass (que estica o plafond para as aplicações de chat e de videochamada até 10 GB). Nesta análise, focada nas necessidades dos consumidores mais velhos, considerámos apenas os tarifários sem restrições de idade (ficaram de fora, portanto, as opções exclusivas para menores de 25 anos).

Opções mais baratas:

  • Lycamobile Nacional M (5 GB), sem fidelização, por € 15 por mês (não temos indicador de Qualidade Global para este tarifário).
  • Nowo Móvel Pós-Pago 4 GB, 24 meses de fidelização, por € 10 por mês, Qualidade Global de 68 por cento.

Há tarifários com tráfego ilimitado, com preços a começar nos € 34,90, com 24 meses de fidelização, ou € 54,90 (pelo menos), sem fidelização, mas estas são opções que consideramos caras, ainda que possam permitir maior tranquilidade no consumo de internet. 

Para ter internet móvel no computador, no tablet ou num router móvel

  • Escolha Acertada para um uso mais intensivo: NOS Livre XL (tráfego ilimitado), sem fidelização, € 30 a cada 30 dias, Qualidade Global de 56 por cento.
  • Escolha Acertada para um uso menos intensivo: NOS Livre S (3 GB), sem fidelização, €15 a cada 60 dias (cerca de € 7,50 por mês), Qualidade Global de 56 por cento.

Se já é cliente MEO, Vodafone ou NOS, tem opções para tarifários pós-pagos, com fatura, mas exigem fidelização de 12 ou 24 meses. Os preços começam nos € 11 (para 5 GB). Pode ter acesso a estes tarifários pós-pagos sem fidelização ou sem ser cliente, mas, nesse caso, os preços começam nos €15 por mês (para os mesmos 5 GB).

Outra solução é optar por um tarifário com internet fixa e wi-fi em casa. Há forma de ter internet fixa sem subscrever um pacote.

Qualquer dispositivo (computador, tablet ou smartphone) pode conectar-se e abrir, digitalmente, a casa ao mundo lá fora. Veja a seguir as melhores opções na primeira semana de maio para os pacotes mais procurados com 3 ou 4 serviços. O nosso comparador de tablets e de computadores também ajuda a encontrar os melhores equipamentos.

Quer ficar com um pacote com TV, internet e telefone fixo?

Compare as duas hipóteses e descubra o que fica mais em conta.

Manter a solução TV, net e voz atual e mudar para um tarifário mais barato

Revelamos as opções mais baratas com e sem box, e acesso a um número de canais próximo dos 150.

Menor número de canais disponível:

  • Escolha Acertada: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais + chamadas rede fixa, com fidelização de 24 meses, por € 22,50 por mês, Qualidade Global de 64 por cento.
  • O mais barato sem fidelização: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais + chamadas rede fixa, por € 35 por mês + € 125 de instalação, Qualidade Global de 64 por cento.
  • Opção com melhor avaliação em caso de falta de cobertura da Escolha Acertada: Vodafone Fibra 3 Light 100 Mbps, com fidelização de 24 meses, por € 29, 90 por mês, Qualidade Global de 76 por cento.  

Com TV Box e cerca de 140 canais: 

  • Escolha Acertada: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 140 canais + chamadas rede fixa, com fidelização de 24 meses, por € 27,50 por mês, Qualidade Global de 64 por cento.
  • O mais barato sem fidelização: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 140 canais + chamadas rede fixa, por € 45,5 por mês + € 250 de instalação, Qualidade Global de 64 por cento.
  • Opção com melhor avaliação em caso de falta de cobertura da Escolha Acertada: Vodafone Fibra 3 Plus 200 Mbps, com fidelização de 24 meses, por € 34,90 por mês, Qualidade Global de 76 por cento. 

Juntar todos os serviços num pacote só

Mostramos os pacotes mais baratos com um ou dois cartões incluídos.

Pacote mais simples com quatro serviços (um cartão incluído)

  • Escolha Acertada: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais sem box + chamadas rede fixa + 1 cartão de 1 GB, com fidelização de 24 meses, por € 27,50 por mês, Qualidade Global de 64 por cento.
  • O mais barato sem fidelização: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais sem box + chamadas rede fixa + 1 cartão de 1 GB, por € 46 por mês + € 125 de instalação, Qualidade Global de 64 por cento.
  • Opção com melhor avaliação em caso de falta de cobertura da Escolha Acertada: Vodafone Fibra 4 Light 100 Mbps, com 1 cartão de 500 MB, com fidelização de 24 meses, por € 51,90 por mês, Qualidade Global de 76 por cento. 

Pacote mais simples com quatro serviços (dois cartões incluídos)

  • Escolha Acertada: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais sem box + chamadas rede fixa + 2 cartões de 1 GB, com fidelização de 24 meses, por € 32,50 por mês, Qualidade Global de 64 por cento.
  • O mais barato sem fidelização: Nowo Fibra Híbrida 120 Mbps 90 canais sem box + chamadas rede fixa + 2 cartões de 1 GB, por € 57 por mês + € 125 de instalação, Qualidade Global de 64 por cento.
  • Opção com melhor avaliação em caso de falta de cobertura da Escolha Acertada: Vodafone Fibra 4 Light 100 Mbps, com 2 cartões de 500MB, com fidelização de 24 meses, por € 65,80 por mês, Qualidade Global de 76 por cento.

Pode encontrar outras soluções mais adequadas ao seu perfil no nosso simulador de tarifários de TV, net, telefone e telemóvel.

Novas instalações de serviços: o que ter em atenção

Não só por esta razão, mas também, é mais fácil mudar de tarifário para outro que não exija uma instalação nova, uma alteração de router ou de box. Normalmente, é o caso quando se mantém a tecnologia e se solicita um tarifário com maior ou menor velocidade de internet, ou o acesso a mais ou menos canais no mesmo operador. Este tipo de alteração pode ser feita à distância, sem necessidade de deslocação de um técnico a sua casa.

Se a solução passar por fazer novas instalações de serviços ou alterar a instalação que já existe em casa, é bom estar preparado para enfrentar eventuais problemas ou atrasos por parte das operadoras: em abril, as situações mais reclamadas junto da Anacom recaíram, precisamente, na falta de resolução de falhas nos serviços e na demora na ligação inicial de serviços. Em muitos casos, segundo informação da Anacom, na semana de 4 a 10 de abril, os técnicos responsáveis pela assistência não se deslocaram às residências dos consumidores, por razões de saúde pública.

Tratando-se de um serviço móvel isolado, é tudo mais fácil ainda. Para fazer uma alteração que implique mudar de operador e exija a colocação de um cartão novo, é preciso apenas configurar o aparelho após colocar o cartão e decidir se faz ou não a portabilidade do número para outra rede. Se não mudar de operador e alterar apenas o tarifário, na maior parte dos casos, não é sequer necessário mexer nas configurações do dispositivo.

Dependendo do tipo de alteração que se solicite, esse pedido pode dar origem à aplicação de um novo período de fidelização de 24 meses. Não se esqueça de pedir esclarecimentos em relação a este aspecto. Reivindicamos que as alterações solicitadas não penalizem os consumidores com a aplicação de novos períodos de fidelização sempre que não são realizadas novas instalações ou alteração de equipamentos.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.