Notícias

Pôr lixívia nos ralos para travar o coronavírus?

Início

Uma imagem tem circulado na net, sugerindo que se introduza lixívia em todos os ralos domésticos, por temer que aí se multiplique o novo coronavírus. Mas não há qualquer evidência de que o vírus se propague pela água.

  • Dossiê técnico
  • Sílvia Menezes
  • Texto
  • Ricardo Nabais e Filipa Nunes
23 julho 2020
  • Dossiê técnico
  • Sílvia Menezes
  • Texto
  • Ricardo Nabais e Filipa Nunes
garrafão de lixívia a despejar líquido

iStock

A imagem que aqui reproduzimos tem circulado na net com um conselho de um “funcionário da Endesa”, sugerindo às pessoas que introduzam um decilitro de lixívia em todos os ralos domésticos. Pretensamente, as “autoridades holandesas” estariam a descobrir que o novo coronavírus “está a crescer e a multiplicar-se no sistema de águas residuais”. Mas não se preocupe, nem use a lixívia para esse efeito. É que estamos também perante uma pandemia de desinformação. Não há qualquer evidência de que o vírus se propague pela água. Além disso, as “autoridades” a que se refere esta imagem serão os autores de um estudo que nunca diz que o vírus se está desenvolver em águas residuais e que ainda não foi revisto por pares. 

 

Por isso, não desperdice mais uma garrafa de lixívia. O vírus não se multiplica na água. Pelo menos, não há evidência de tal. É por isso que podemos, por exemplo, ir à praia e tomar banho no mar. As pessoas confinadas em casa que ficaram contaminadas tê-lo-ão sido por contágio direto, isto é, com outros infetados ou por contacto com superfícies. O uso da lixívia está reservado à limpeza de superfícies, como bancadas da cozinha, lavatórios ou sanitas, mas nada justifica o seu uso nas águas dos esgotos.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.