Institucional

Reclamações

reclamacoes online

O setor das telecomunicações é o que reúne mais reclamações na DECO PROTESTE. Conheça as principais queixas e as mais bizarras, as empresas mais reclamadas e as situações que ficam resolvidas com a nossa intervenção. 

As empresas com mais reclamações

Através dos canais disponíveis – telefone, plataforma Reclamar e e-mail –, os consumidores portugueses têm-se queixado, maioritariamente, das empresas de telecomunicações, sobretudo por causa da duração dos períodos de fidelização e do desacerto entre ofertas e cobranças de mensalidades. Na lista das queixas seguem-se os setores dos bens de consumo, serviços financeiros, energia e água e saúde. Acompanhe o ranking mensal das empresas com mais reclamações na DECO PROTESTE. 

As 10 empresas mais reclamadas Queixas por mês
(junho 2021)
MEO 156
Medicare 132
VODAFONE 101
CTT 97
TAP-Air Portugal  73
EDP 65
Worten  54
NOS Comunicações, S.A. 38
EDREAMS  34
Endesa Energia, S.A.
33
Em 2021, até ao mês de junho, recebemos 159 392 queixas contra empresas de vários setores. Destacamos as 10 empresas com mais reclamações desde o início do ano. 

Empresas mais reclamadas Total de queixas de 2021
(até junho)
MEO 896
NOS Comunicações, S.A.
704
CTT 649
Medicare 611
VODAFONE 486
TAP-Air Portugal  400
Worten 357
EDP  290
Conforama Portugal, S.A.  220
Endesa Energia, S.A.
193

Reclamação em destaque

Recebemos, diariamente, várias reclamações enviadas pelos consumidores. Algumas das situações apresentadas são pouco comuns, mas não acontecem só aos outros. Vamos partilhando algumas para que esteja prevenido se acontecer consigo.

Todos os meses, a Medicare está entre as dez empresas que motivam as reclamações que a DECO PROTESTE recebe. Nos primeiros cinco meses do ano recebemos centenas de reclamações relacionadas com o plano de saúde da Medicare anunciado na TV. A vinculação indesejada e a renovação automática ao fim de um ano são as principais queixas dos consumidores.

Há quem tenha acreditado que estava apenas a receber informações sobre um plano da Medicare quando, afinal, estava a contratá-lo. Também há quem tenha tentado desistir meses depois, mas percebeu que estava vinculado à empresa por 12 meses. E após um ano, quando pensava pôr fim à ligação contratual, há quem tenha ficado indignado porque a renovação foi feita de modo automático. Muitos desistiram de pagar, mas as penalizações por incumprimento contratual não tardaram. E com juros de mora.

Na verdade, a Medicare não é uma seguradora. Saiba o que está em causa. 

Reclamação resolvida com a ajuda da DECO PROTESTE

O nosso leitor P. P., de Queluz, encomendou em Dezembro uma Playstation 5 no site da Worten. A máquina não lhe foi entregue, com a justificação de falta de stock. O nosso leitor exerceu o direito de resolução, mas a Worten não lhe devolveu o dinheiro da compra nos 14 dias que a lei determina.

De acordo com a lei, esgotados os 14 dias sem a devolução, o consumidor tem direito à restituição do valor pago, mas em dobro. Decorrido esse prazo, o nosso leitor reclamou e acabou por receber o dinheiro de volta, mas apenas o valor da compra.

O consumidor contactou-nos, primeiro através da plataforma Reclamar e depois pedindo a intervenção dos nossos juristas. Com a nossa intervenção junto da Worten, o leitor recebeu o pagamento do valor em falta.

Vale a pena Reclamar!