última atualização: 23/03/2020

Aquecimento e Água Quente numa moradia com 3 pisos

Comprei uma moradia, com 3 pisos, e com fachadas expostas a norte, sul e poente.

O aquecimento das águas e dos radiadores é feito com uma caldeira que funciona a gás natural e está localizada na cave.

A casa tem 9 radiadores, 3 casas de banho e uma cozinha. Dos radiadores normalmente estarão ligados 2 ou 3, máximo 4.

Para esta situação qual será a melhor solução para minimizar os gastos?

Estou a pensar que seria vantajoso instalar um colector solar no telhado, ligado à caldeira já existente na cave.

Têm outras sugestões??

Será vantajoso trocar a caldeira a gás por outro sistema??

Obrigado pela vossa ajuda.

Junte-se a nós

Esta informação foi útil e ajudou-o? Para apoiar a nossa comunidade, registe-se no site. É gratuito, demora menos de um minuto.

  • Pode perguntar e pedir conselhos
  • ler as contribuições dos nossos membros
  • dar o seu contributo 
  • receber o feedback de um especialista.

Registe-se em DECO PROTESTE para participar.
Entrar ou Registar

  Comentários

User name
João Silva
23/03/2020

Bom dia Domingos Matos,

O custo do kWh do gás natural é de cerca de 0,07 €/kWh, semelhante ao de uma bomba de calor ar-água a trabalhar com um COP de 3.

Poderá aproveitar melhor as vantagens da bomba de calor ar-água caso decida optar pela tarifa bi-horária e concentrar os seus consumos de aquecimento no período de vazio mas, mesmo nessas condições, para manter apenas 2 a 4 radiadores em funcionamento, o potencial de poupança que irá obter provavelmente não justifica o investimento numa bomba de calor.

Quanto ao coletor solar, se for para apoiar a produção de aqs, é interessante mas, se pensar em apoio ao aquecimento, não vale a pena. A energia que esse coletor irá fornecer ao aquecimento durante o inverno não justifica.

A caldeira aquece água de forma instantânea ou por acumulação? se for de acumulação, o depósito já tem duas serpentinas que lhe permita ligar o solar?

Cumprimentos,

João Silva

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.