Notícias

Truques caseiros para desentupir canos

Há soluções caseiras para canos entupidos. Se já experimentou todas e não resultaram, recorra a um desentupidor químico ou chame um profissional.

  • Dossiê técnico
  • Alexandre Marvão e António Souto
  • Texto
  • Myriam Gaspar e Nuno César
05 agosto 2021
  • Dossiê técnico
  • Alexandre Marvão e António Souto
  • Texto
  • Myriam Gaspar e Nuno César
desentupidores

iStock

O lava-loiça entupiu. A água teima em não ir para baixo. É tudo o que não deseja depois de um dia de trabalho extenuante. O que fazer agora? Quando um ralo entope, é preciso agir rapidamente. Protelar a situação pode transformar um pequeno problema doméstico num pesadelo.

Uma das soluções, apesar de não ser ecológica nem a mais económica, é recorrer a um desentupidor químico de compra. Encontra no mercado uma variedade considerável de produtos, com preços muito díspares, que podem ir de quase dois euros a mais de doze. O que os distingue? Os ingredientes que os compõem, isto é, soda cáustica granulada, líquida ou com lixívia.

Caso as soluções caseiras e os desentupidores químicos não resultem, recorra a um profissional. Mas, antes, pergunte quanto custa o serviço, para não ter uma surpresa desagradável com a conta. Encontre profissionais de confiança validados pelo DECO PROTESTE SELECT.

Conheça o DECO PROTESTE select

Soluções caseiras

Antes de comprar um desentupidor químico, pode optar por uma solução caseira que não prejudique o ambiente e os canos.

Desentupidor de borracha

O desentupidor de borracha continua a ser, quase 150 anos depois de ter sido inventado pelo norte-americano John S. Hawley, a forma mais simples de desobstruir um cano. Funciona como um sistema de sucção: basta pressionar com vigor o cabo na vertical para que o movimento da água, para baixo e para cima, liberte o cano dos resíduos. Para resultar, certifique-se de que há água suficiente no ralo. Esta é uma opção, mas, se tiver jeito para a bricolagem, o melhor é começar pela limpeza do sifão.

Bicarbonato de sódio, vinagre e sal

O bicarbonato de sódio, o vinagre e o sal são há muito tempo utilizados como soluções caseiras para desentupir lava-loiças, chuveiros e banheiras. Além de serem biodegradáveis, quando misturados, provocam uma reação química que ajuda a desfazer cabelos, pelos ou restos de alimentos. Antes de recorrer a desentupidores mais corrosivos, não custa tentar.

Deite os três produtos e deixe atuar durante meia hora. Depois, faça correr bastante água quente, para ajudar a dissolver e a limpar a canalização dos resíduos da mistura utilizada. Se o método não for eficaz à primeira tentativa, como pode acontecer, repita a operação.

Detergente da loiça

O detergente da loiça é outra opção, sobretudo no lavatório da cozinha, onde a gordura se acumula. Deite um quarto de uma chávena de detergente e depois água a ferver. Pode ainda pôr duas colheres de sopa de fermento em pó no ralo e despejar água fervida. A efervescência que se gera deverá desentupir o cano.

Desentupir uma sanita

Desentupir uma sanita, por vezes, é tão simples como deitar um balde de água bem cheio, dado que o volume e o peso da água extra geram pressão. Se não resultar, retire o excesso de água e com um desentupidor de borracha pressione até ouvir a água a mover-se pelo cano.

Remover o calcário das canalizações

Se vive numa zona do País com muito calcário, como o Algarve, é natural que o caudal de água vá reduzindo ao longo do tempo, devido à acumulação de sedimentos. Recorra a uma solução caseira de bicarbonato de sódio e vinagre branco. Tape o cano e deixe atuar 30 minutos. No fim, despeje água a ferver.

Desentupir o ralo de uma banheira ou de um chuveiro

Cabelos, pasta de dentes e sabonete costumam formar uma amálgama que entope o ralo e impede a água de escoar. Experimente verter no ralo um copo de vinagre, meio copo de bicarbonato de sódio e duas a três colheres de sopa de sal. Aguarde meia hora e conclua o processo deitando água a ferver.

Desobstruir o cano do lava-loiça 

A forma mais simples de desobstruir os canos é encher o lava-loiça até meio com água quente e usar um desentupidor de borracha. Faça vários movimentos vigorosos para baixo e para cima. Repita quantas vezes forem necessárias. Em caso de entupimento por gorduras, deite uma chávena de sal e uma de bicarbonato de sódio no ralo, despejando de seguida um litro de água a ferver. Apesar de dar mais trabalho do que as duas opções anteriores, a limpeza do sifão é a forma mais eficaz de desentupir o lava-loiça.

Desentupir canos: o fim dos mitos

A Coca-cola é infalível? Há soluções caseiras que resultam, mas depois há... os mitos. Este é um deles. A Coca-cola não tem qualquer eficácia sobre cabelos, fios de roupa, pelos humanos ou de animais, ou outros detritos. Pode dissipar um pouco as gorduras, como faz a água quente, mas nada mais. Por isso, poupe o dinheiro antes de despejar garrafas de refrigerante pela sanita.

Outra crença enraizada é a de que a soda cáustica é a solução para todos os problemas. Entre os métodos caseiros, este é o mais eficaz, mas está longe de ser o ideal. Por exemplo, dissolve bem materiais orgânicos, mas, se estiverem combinados com outros detritos ou sedimentos como o calcário, o resultado deixa a desejar. Além disso, é tóxica quando dissolvida em água e muito reativa com ácidos, requerendo extremo cuidado quando manipulada. Deve usar equipamento de proteção adequado e nunca misturar com outros produtos.

Desentupidor químico: precauções antes de usar

Se nenhuma destas soluções caseiras resultar, recorra a uma desentupidor químico. Leia as instruções do produto antes de adquirir qualquer marca, sob pena de causar danos permanentes nas canalizações. Por exemplo, alguns dos produtos disponíveis nas lojas só devem ser usados na casa de banho, na cozinha e nos ralos ou canos de escoamento de chuveiro e não em esgotos. Use luvas, máscara, vestuário e óculos de proteção.

Abra as embalagens com cuidado, evitando salpicos. Não use desentupidor de borracha e nunca misture com água antes da utilização, ou outros produtos de limpeza, sobretudo com aqueles que contêm amónia. É essencial que este tipo de desentupidores não esteja ao alcance das crianças, nem que os recipientes sejam reutilizados para outros fins.

Comece por libertar o ralo de detritos visíveis. De seguida, deite água a ferver, de forma a amolecê-los e facilitar a remoção. Tenha atenção aos ralos em inox ou dourados, para não ficarem danificados (confirme nas instruções do produto que comprou).

Se o produto entrou no cano, mas a água continua a não escoar, deixe atuar ou utilize uma bicha de desentupir, para ajudar a libertar os resíduos. Deite mais água quente. Se resultar, volte a colocar o ralo e equacione instalar uma rede mais fina, que impeça a passagem da maior parte dos detritos. Certifique-se de que as anilhas de ajuste estão bem apertadas, para evitar danos e infiltrações.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.