última atualização: 13-01-2020

Facturas de 180€ de luz e só estamos em casa ao fim do dia

Boa noite, tenho estado atenta a todas as divulgações feitas sobre as bombas de calor pois penso ser uma alternativa para a minha problemática situação. Desde que habito na casa que construímos temos tido facturas mensais que rondam os 180€ de luz. Quando comparado com o da maioria dos colegas/familiares é um valor exorbitante. Todos os electrodomésticos são eléctricos mas ainda assim não se justifica considerando que só estamos em casa a noite (4 pessoas) e fim de semana. Algumas pessoas afirmam ser do termo acumulador de 250L, contudo não sei se mudar para uma bomba de calor irá reduzir drasticamente a factura para justificar as despesas da aquisição do mesmo. Se alguém já adquiriu esse equipamento agradecia que me informasse se realmente houve melhorias significativas a nível de facturação e se está satisfeito com o equipamento. É necessário complementar com painéis solares?

Junte-se a nós

Esta informação foi útil e ajudou-o? Para apoiar a nossa comunidade, registe-se no site. É gratuito, demora menos de um minuto.

  • Pode perguntar e pedir conselhos
  • ler as contribuições dos nossos membros
  • dar o seu contributo 
  • receber o feedback de um especialista.

Registe-se em DECO PROTESTE para participar.
Entrar ou Registar

Comentários

User name Moderator
Bruno Miguel | Moderador
10-12-2019

Olá Nathali,

Os seus elevados consumos elétricos podem realmente estar relacionados com o termoacumulador de grande capacidade.

Em 2016, a DECO PROTESTE testou e fez a comparação em termos de poupanças entre o termoacumulador e a bomba de calor.

Esses resultados refletem um custo anual do termoacumulador nos € 1794 versus € 637 para a bomba de calor de 250 litros.

No nosso cenário, o custo anual de utilização refletiu a amortização do preço da bomba de calor em 10 anos para o termoacumulador, a manutenção e a utilização diária num lar com 4 a 5 pessoas (470 litros de água quente) que dispõe de um aparelho com cerca de 250 litros de capacidade. Usámos a tarifa simples para 3,45 KVA do fornecedor mais usado pelos portugueses.

Usar uma bomba de calor para aquecer a água quando o sol não o consegue fazer é a solução mais eficiente. Existem à venda equipamentos que podem ser ligados ao sistema solar térmico e que incluem um controlador que gere ambas as fontes de energia, dando prioridade ao sol.

Esperamos ter ajudado.

Obrigado,
Equipa Energias Renováveis

User name
ANA ROSA AMORIM
10-01-2020

Bom dia;Sou Ana Rosa e mudei de fornecedor de energia 3 vezes na EDP gastava mais ou menos 50 euros mês mudei para ENDESA gasto mais ou menos 25 euros com todo o que tinha antes até mais alguma coisa,pk tenho o cartão continente mudei outra vez e agora para GALP as contas vieram outra vez para os 50 euros,passados dois meses tornei a mudar para ENDESA as contas voltaram outra vez para 25 euros,afinal o que se passa? Gostava de convidar a DECO para fazer um estudo em minha casa,porque isto é um roubo eu não imagino a quantidade de pessoas que estão a ser roubadas,sei que a palavra e forte mas não tenho outro termo para a situação,fica o desafio á DECO tenho todo o prazer em recebelos att. Ana Rosa

User name Moderator
Silvia Silva | Moderador
10-01-2020

Olá Ana Rosa, 

Agradecemos a sua partilha. Estamos a investigar para responder à sua questão e publicaremos logo que possível.
Enquanto trabalhamos na resposta, convidamos os membros desta comunidade a partilhar sugestões e experiências sobre este tópico. As vossas informações podem ser úteis para outros consumidores!

Obrigado,
Equipa Energias Renováveis

User name Moderator
Silvia Silva | Moderador
13-01-2020

Olá Ana Rosa,

Agradecemos desde já o seu comentário, que foi internamente partilhado com os nossos especialistas.

De facto, os planos Galp Continente não têm qualquer vantagem direta no tarifário em si, pelo contrário. Os valores são sempre mais elevados do que na maioria das alternativas disponíveis e a fatura de energia é superior.

A vantagem destes planos reside no desconto que é atribuído em cartão Continente, ou seja é externo à fatura de energia. O desconto é atribuído na emissão de cada fatura e esse voucher deve ser apresentado aquando da compra numa loja Modelo Continente.

Se quiser que avaliemos com maior detalhe as suas faturas, envie-nos, por favor, as cópias das faturas através do e-mail comunidades@deco.proteste.pt.

Obrigada,
Equipa Energias Renováveis

eu disclaimer

O projeto que deu origem a esta comunidade recebeu financiamento através do programa de investigação e desenvolvimento “Horizon 2020”, sob o contrato de subvenção nº749402. Nem a EASME nem a Comissão Europeia são responsáveis pela informação veiculada nem pela utilização das informações contidas na mesma.