Fundo de Garantia de Bolsa

O objetivo deste fundo é ressarcir o investidor por danos sofridos em consequência da atuação dos intermediários financeiros.

O Carlos quer vender 100 ações do BES, mas o intermediário engana-se e vende 100 ações da EDP que o investidor também tinha em carteira. Caso o intermediário não corrija a situação, devolvendo as ações da EDP e indemnizando eventuais prejuízos por não ter vendido as do BES, o Carlos pode recorrer a este fundo.

Primeiro, deve reclamar junto do intermediário, num prazo de 30 dias, através de carta registada com aviso de receção. Se, após dez dias, a situação não for resolvida, o investidor deve comunicar de imediato todos os factos relevantes à comissão gestora do Fundo de Garantia de Bolsa, que funciona junto da Euronext Lisboa (telefone: 217 900 000). A situação será apreciada e, caso tenha razão, o investidor será indemnizado até 50 000 euros por reclamação. Num ano, as indemnizações não podem exceder 125 000 euros por investidor.