Ex-direitos

Aplica-se quando se dá a negociação de um valor mobiliário, habitualmente uma ação, sem um direito que lhe esteve associado na emissão. Por exemplo, sem o direito de receber dividendos ou de subscrever/incorporar ações atribuído no âmbito de uma operação de aumento de capital.