Primeiras impressões

Carregadores sem fio: caros e pouco universais

18 abril 2011 Arquivado

18 abril 2011 Arquivado

O Duracell myGrid e o Powermat Wireless Charging só são interessantes para quem tem iPhone ou Blackberry.

Quem tem vários aparelhos em casa que funcionam sem fios e carecem de carga regular, arrisca-se a ficar com um emaranhado de fios ligados a telemóveis, consolas ou leitores de MP3. E ainda tem de procurar o carregador correto no meio de vários diferentes.

A pensar neste problema, duas marcas desenvolveram produtos que se destinam a carregar vários aparelhos em simultâneo sem necessidade de ligar fios. São o Duracell myGrid (€ 39,99) e o Powermat Wireless Charging (69,90 euros). Basta pousar os aparelhos na superfície do dispositivo para que a carga se inicie. Mas atenção: cada aparelho deve ser equipados com adaptadores específicos.

O nosso teste a estes produtos registou um ligeiro aumento no tempo de carga. Quanto ao consumo de eletricidade em stand-by, apesar de baixo, é ainda assim superior ao de 3 ou 4 carregadores de telemóveis recentes ligados em simultâneo.

Antes de comprar um carregador sem fio, verifique se existem adaptadores para os aparelhos que usa em casa. Por exemplo, o Powermat tem adaptadores para alguns modelos do Blackberry que não existem no Duracell. Por sua vez, o Duracell é o que apresenta um preço mais baixo tanto para a base como para os acessórios. Alguns adaptadores tornam estes produtos uma opção interessante para quem tem iPhone ou Blackberry, em especial se existe mais de um em casa.

Duracell myGrid
Este dispositivo é constituído por uma base com pistas metálicas que se liga à eletricidade. Os aparelhos são carregados através de contactos elétricos. É necessário colocar um adaptador (custa € 19,90 cada) na porta de carregamento de cada telemóvel. Aquele inclui 4 pinos metálicos que fazem a ligação com a base. Por estarem equipados com ímanes, a atração magnética sobre a base permite uma ligação elétrica mais eficaz. É possível carregar até 4 aparelhos em simultâneo.

O Power Sleeve é um dos adaptadores existentes. Trata-se de uma capa flexível de plástico que envolve o painel traseiro e a lateral do telemóvel, mas deixa os espaços para as ligações acessíveis. Atualmente só existe para alguns telemóveis Blackberry da série Curve 8300 e Pearl 8100, Apple iPhone 3GS e 4 e para o leitor de MP3 Apple iPod touch.


No interior da capa 2 contactos metálicos passam a corrente elétrica para o telemóvel. Basta colocá-lo sobre a grelha para iniciar o carregamento.

O Power Clip é composto por duas peças: uma encaixa na ligação do telemóvel (míni ou micro USB ou específica para aparelhos Nokia) que, por sua vez, se liga a outra destinada a ser colada nas costas do aparelho.


Maioria dos aparelhos é compatível com os adaptadores, com exceção dos telemóveis onde a câmara ou o flash ficam tapados

Pontos fortes e fracos
Utilização prática com as capas adaptadoras para iPhone e Blackberry
Permite carregar 4 aparelhos em simultâneo
Adaptadores Power Clip ficam instalados de modo pouco robusto e saliente o que requer alguns cuidados
Adaptadores Power Sleeve, mais práticos, só existem para iPhone e Blackberry
Custo elevado: tapete e 3 acessórios rondam os € 100

Powermat Wireless Charging
Uma base oval fica ligada à eletricidade. Carrega os aparelhos por indução magnética e também requer adaptadores. Permite colocar 3 aparelhos em simultâneo.

Para carregar outros aparelhos ao mesmo tempo, tem de comprar mais adaptadores (€ 29,90 cada). Estes só estão disponíveis para os telemóveis Blackberry Curve e Bold, Apple iPhone 3GS e 4, leitor de MP3 Apple iPod touch e consolas Nintendo DS lite e DSi.


No Powermat, os acessórios variam consoante o aparelho a carregar: tampas de bateria, capas ou fichas.

Pontos fortes e fracos
Fácil de usar com iPhone e Blackberry compatíveis
Os adaptadores para Blackberry substituem a tampa da bateria com pouco aumento do volume
Permite carregar 3 aparelhos em simultâneo
Adaptadores sem fio só estão disponíveis para poucos aparelhos
O adaptador universal é ligado aos aparelhos através de um fio, anulando a vantagem de usar um carregador sem fio
Custo elevado: base e 3 acessórios rondam os € 160

Imprimir Enviar por e-mail