Notícias

Worten arrasta troca de iPhone avariado por 2 meses

A nossa leitora trocou o ecrã do iPhone na Worten. Mas, após a reparação, o aparelho perdeu o reconhecimento da impressão digital. A loja só aceitou a troca do telemóvel após a nossa intervenção.

02 abril 2018
Worten arrasta troca de iPhone avariado por 2 meses

iStock

A esposa do nosso associado Telmo Santos, de Vila Nova de Gaia, pediu um orçamento de reparação do ecrã do seu telemóvel na Worten do GaiaShopping. O funcionário informou-a de que a reparação do iPhone iria demorar 24 horas e custaria 150 euros. A consumidora considerou que o prazo era aceitável e entregou o aparelho para reparação.

O prazo foi cumprido pela loja. Mas, ao chegar a casa, a leitora reparou que o ecrã tinha uma mancha e que o telemóvel havia perdido a função de reconhecimento do utilizador por impressão digital. Por isso, voltou a entregar o aparelho para reparação na Worten. 

Uma semana depois, recebeu a explicação por telefone: uma vez que o ecrã tinha sido trocado, o sistema de reconhecimento da impressão digital ficara automaticamente desativado. A consumidora protestou e disse que não teria aceitado o equipamento se soubesse do problema. Exigiu a reativação do sistema de reconhecimento da impressão digital.

Porém, a Worten não lhe entregou o aparelho reparado. Alegou que havia uma falha técnica e propôs a substituição do iPhone por um novo. A leitora aceitou. Mas a entrega foi sendo sucessivamente adiada.

Quando já tinham passado 30 dias sobre o prazo total de reparação, a Worten reagendou a entrega do iPhone novo. Mas Telmo e a esposa foram depois contactados pela loja, que apresentou um orçamento de € 400 para a troca do telemóvel.

O nosso associado apresentou uma queixa no livro de reclamações da Worten e pediu a nossa intervenção.

Questionámos a Worten sobre o assunto. A loja resolveu finalmente trocar o iPhone sem custos, dois meses após a primeira deslocação da nossa leitora à Worten.

Tem um problema de consumo com uma loja ou marca? Apresente a situação na nossa plataforma Reclamar. Encaminharemos o caso para a empresa. Se quiser, também pode pedir a intervenção dos nossos especialistas.

Ir para a plataforma Reclamar


Imprimir Enviar por e-mail