Notícias

Os melhores produtos tecnológicos de 2017

Se 2017 tivesse de ser lembrado pelos produtos hi-tech, quais seriam? Pedimos aos nossos especialistas para escolherem os gadgets que se destacaram este ano.

28 dezembro 2017
Os melhores produtos tecnológicos de 2017

Thinkstock

No mundo dos smartphones, o Samsung Galaxy 8 e o iPhone 8 não podem ser esquecidos. Lançado em abril, o Samsung Galaxy 8 (desde € 568) obteve excelentes resultados no nosso teste a telemóveis, especificamente ao nível do desempenho. Vem equipado com várias funcionalidades, como o leitor de impressão digital, a íris ocular, o reconhecimento facial, o modo Desktop (Dex) e o carregamento sem fios. O ecrã prolongado nas margens laterais dá a sensação de um ecrã “infinito”, que torna o design do aparelho muito apelativo, embora possa ser um problema em caso de queda.

O iPhone 8 é mais pequeno e um pouco mais caro (a partir de € 719) do que o rival Samsung Galaxy 8, mas destaca-se no segmento dos smartphones com menos de 5 polegadas. Em laboratório, obteve ótimos resultados de desempenho. Embora não seja um telemóvel revolucionário, a Apple introduziu algumas novidades, como o reconhecimento facial (face ID), novo design em vidro, novo processador A11 Bionic, carregamento sem fios e novas câmaras fotográficas.  

Ver teste a telemóveis

 

Os tablets já conquistaram o seu lugar no nosso dia-a-dia. Entre os melhores modelos deste ano está o iPad Pro 2017. É caro (está à venda desde € 706), mas impressiona ao nível do brilho do ecrã e do desempenho - graças ao novo processador A10X Fusion.

A Microsoft foi aperfeiçoando a primeira versão do tablet Surface RT e, este ano, apresentou o Surface Pro 2017 (a partir de 899 euros). Representa uma melhoria substancial face às versões anteriores, e já é mesmo usado por muitas empresas como instrumento de trabalho. Combina um excelente ecrã com boa autonomia e portabilidade. No nosso teste a tablets, destaca-se positivamente no segmento dos tablets PC, com resultados consistentes em todos os critérios de avaliação. Além disso, substitui um computador na maioria das tarefas.

Ver teste a tablets

 

Os televisores proporcionam experiências cada vez melhores para o utilizador. O LG OLED 55B7V (desde 1699 euros) é um dos aparelhos que se destacou em 2017 no nosso teste a televisores. Negros profundos, cores vívidas, imagem nítida e fluida são alguns dos pontos positivos.

O Sony KD-55A1 (a partir de 2 356 euros) também conquista um lugar entre os melhores do ano, pois alia elevada qualidade de imagem e de som. É de referir uma particularidade: produz as sonoridades médias e agudas através da vibração do próprio painel. Além disso, a coluna de graves está incluída no apoio do aparelho.

Este é um ano de viragem no reino dos televisores, pois alguns dos principais fabricantes adotaram a tecnologia OLED nos seus modelos de gama mais alta (LG, Sony, Philips e Panasonic). Mas, embora essa tecnologia esteja disponível há alguns anos, ainda não se democratizou totalmente, talvez devido aos custos mais elevados de fabrico dos painéis e alguma imaturidade inicial da tecnologia.

Ver teste a televisores

 

Entre as apps de navegação, um dos troféus vai para o Waze GPS Navigation Maps & Traffic (versão para iOS). É das melhores apps para o iPhone e, entre as gratuitas, não há rival (é mesmo melhor do que a app nativa do iOS, o Apple Maps). A cartografia comunitária tem cobertura mundial, as instruções gráficas são muito boas e o timing das instruções vocais é excelente. Apesar de ser um serviço gratuito, tem muita qualidade. As informações de trânsito são bastante precisas, por isso é das apps mais populares entre motoristas profissionais.

Para o sistema Android, a escolha recai sobre o TomTom Navegação GPS Traffic. A qualidade da navegação é muito boa em meio urbano e em autoestrada. Os mapas são completos e, ao nível das instruções de tráfego, a app não desilude. É rápida a iniciar e a detetar os satélites. No nosso teste a GPS, obteve bons resultados na facilidade de utilização e nas instruções visuais, que são excelentes. Os nossos especialistas consideram o TomTom GPS Traffic melhor do que qualquer GPS tradicional. Ultrapassa mesmo alguns sistemas integrados nos automóveis. Pode usar a aplicação gratuitamente nos primeiros 75 km de cada mês. Em alternativa, é possível comprar a utilização anual por 19,99 euros.

Ver teste a GPS

 

O drone DJI Spark (preço base: € 539) foi o que se destacou em 2017 no nosso teste. A marca chinesa conseguiu incorporar a tecnologia dos drones mais avançados e caros num equipamento muito pequeno. Embora não tenha conquistado o título de Melhor do Teste, o DJI Spark apresenta uma boa relação entre a qualidade e o preço. Impressiona pela estabilidade no voo, a capacidade de resistir ao vento e a velocidade que consegue atingir (50km/h). A câmara também não desilude. Mas a grande inovação é o controlo por gestos e os modos de voo inteligente, que permitem a qualquer utilizador capturar imagens dignas de realizador de cinema. É um drone destinado ao grande público, pois os seus automatismos ajudam os iniciantes a controlar o aparelho sem grandes dificuldades.

Ver teste a drones

 

Não podemos terminar as escolhas hi-tech de 2017 sem mencionar a máquina fotográfica Sony Cyber-Shot DSC-RX10 IV (a partir de 1649 euros). No nosso teste a máquinas fotográficas, revelou excelente qualidade. É interessante para quem tem, ou quer desenvolver, alguns conhecimentos de fotografia, devido aos inúmeros comandos manuais. Inclui um versátil zoom de 25x e uma impressionante velocidade de disparo de 20fps. Os vídeos em 4K de boa qualidade são outra característica a assinalar. O sensor é de 24 MP e o ISO chega aos 12800.

Ver teste a máquinas fotográficas

 

 


Imprimir Enviar por e-mail