Notícias

Router da MEO tem a melhor cobertura de rede wi-fi em casa

Paredes, azulejos, superfícies metálicas ou espelhadas e aparelhos sem fios podem perturbar o acesso wi-fi em certos locais da nossa casa. O router da MEO garante melhor cobertura e mais velocidade.

  • Dossiê técnico
  • João Miguens, Sofia Costa e Tito Rodrigues
  • Texto
  • Inês Lourinho
07 maio 2021
  • Dossiê técnico
  • João Miguens, Sofia Costa e Tito Rodrigues
  • Texto
  • Inês Lourinho
Router com sinal de wi-fi

iStock

Rádio, televisão, telemóvel, micro-ondas ou comando remoto competem pelo acesso à rede wi-fi. O mesmo fazem as redes wi-fi dos nossos vizinhos. Os materiais nas paredes e a configuração das divisões, por sua vez, também são frequentemente um problema. A influência destes fatores é tão elevada que, ao ar livre, uma rede wi-fi pode alcançar mais de uma centena de metros, enquanto debaixo de telha, por vezes, não vai mais longe do que cinco metros. Mas não só a cobertura de rede é afetada. Recebemos relatos de consumidores que mediram no router uma velocidade de 200 Mbps e, em vários pontos da habitação, tinham menos de um décimo (20 Mbps) ou nem sequer conseguiam aceder à internet.

Testámos, por isso, a cobertura e as velocidades dos routers dos principais operadores, e o equipamento da MEO revelou o melhor desempenho. Mas mesmo o melhor router pode não alcançar prestações razoáveis, dependendo da configuração da casa. Os operadores deveriam, por isso, fornecer informação correta, completa e clara sobre a cobertura e a velocidade, para não criarem falsas expectativas, já que a grande maioria dos utilizadores, sempre que possível, faz o acesso por esta via. A MEO é o único operador que dá alguma informação, embora insuficiente, prometendo que o router Fiber Gateway consegue “sinal sem quebra em toda a casa”. Em bom rigor, afiança algo que pode não estar garantido em todas as habitações.

Neste momento, os operadores só indicam as velocidades com ligação por cabo de rede ao router, o que unicamente pode ser obtido nas proximidades deste aparelho. Uma boa prática seria assegurarem aquilo que pudesse ser percecionado pelos clientes como uma cobertura da rede wi-fi capaz. Face à tipologia habitacional mais comum, deveria ser garantido um acesso de qualidade em mais de duas divisões. De contrário, o operador teria de resolver o problema a suas expensas.

O uso de extensores de sinal, proposto pelos operadores enquanto solução, envolve custos fixos que vão de 2,49 a 7 euros mensais, ou um valor único de 79,99 euros pela compra do equipamento (caso do MEO Smart Wi-Fi). Exigimos clareza sobre as circunstâncias em que os operadores têm legitimidade para pedirem custos extra, para lá da já dispendiosa mensalidade do serviço.

As condições do nosso teste

O sótão de uma vivenda isolada, sem redes wi-fi vizinhas a interferir, foi o local onde instalámos os quatro routers. Escolhemos nove pontos na habitação e dois no exterior, e fizemos medições nas duas frequências utilizadas pelas redes wi-fi: 2.4 e 5 giga-hertz (GHz). As medições da intensidade do sinal foram feitas com o software NetSpot instalado num portátil. Já as velocidades foram medidas com a app SpeedTest em telemóvel.

Testámos os routers fornecidos pelos serviços subscritos. Na MEO, tratou-se do Fiber Gateway, disponível no pacote M3 Fibra, 200 Mbps de download e 100 Mbps de upload. Da Vodafone, testámos o Smart Router, que veio com o Fibra 3 Plus, 200 Mbps de download e 100 Mbps de upload. Por sua vez, da NOS, examinámos o Giga Router, que acompanhou o NOS 3, 150 canais, 200 Mbps de download e 100 Mbps de upload. E, da NOWO, analisámos o Home Gateway, incluído no NOWO 140 canais, 250 Mbps de download e 15 Mbps de upload.

Todos os routers são de dupla banda e permitem escolher a rede mais vantajosa a cada momento. Nos aparelhos da NOS e da MEO, o utilizador vê duas redes e tem de ligar-se à que tem melhores condições. Em princípio, será a de 5 GHz, caso a distância para o dispositivo que pretende aceder à rede seja curta e não existam obstáculos significativos. A escolha já deverá recair na rede de 2.4 GHz, se o dispositivo estiver mais distante e houver muitos obstáculos pelo caminho. Nos routers da Vodafone e da NOWO, as duas redes surgem combinadas, pelo que a escolha é feita de forma automática.

Router da MEO permite o melhor acesso à rede wi-fi

Faça login no site para continuar a ler o artigo e ver as nossas medições de velocidade de internet em nove pontos numa casa.

Se ainda não é subscritor, conheça estas e outras vantagens da assinatura.

Subscrever

 

O conteúdo deste artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais com o consentimento expresso da DECO PROTESTE, com indicação da fonte e ligação para esta página. Ver Termos e Condições.