Smartwatches e pulseiras desportivas: guia de compras

Ajudamos a escolher o melhor modelo para si.

Quer um dispositivo para ajudar a comunicar e receber notificações ou monitorizar a atividade física e a saúde? Há smartwatches e pulseiras desportivas para diferentes gostos e utilizações. Saiba como escolher.

Principais características

Antes de comprar um smartwatch ou uma pulseira desportiva, é importante saber o que realmente procura. Não adianta comprar o aparelho mais caro se, por exemplo, só vai precisar dele para medir a frequência cardíaca quando corre.

Os smartwatches foram criados com a intenção de serem uma extensão do telemóvel no pulso, enquanto as pulseiras desportivas estão mais focadas nas funções de fitness. Ambos partilham muitos recursos e funcionalidades, por isso, se não tem a certeza do que precisa, avalie as diferenças para acertar na compra.

Destacamos os prós e compras de cada solução. Veja o nosso comparador de smartwatches e pulseiras desportivas para encontrar o melhor modelo e os melhores preços. Também encontrará indicações sobre as melhores marcas e as lojas físicas e online onde poderá comprá-los.

Voltar ao topo

Smartwatch ou pulseira

A escolha depende das necessidades. Com o smartwatch, é fácil ver e responder aos e-mails, mensagens, chamadas e notificações de redes sociais diretamente do pulso. Já as pulseiras desportivas focam-se na monitorização da atividade física e da saúde, como, por exemplo, o número de passos, a distância, as calorias e a frequência dos batimentos cardíacos.

Porquê escolher uma pulseira desportiva

As pulseiras têm um objetivo vital: a saúde. Contabilizam o número de passos, a distância a pé e as calorias queimadas, e incentivam o utilizador a adotar um estilo de vida saudável e a fazer um pouco mais a cada dia.

Algumas pulseiras mais baratas estão equipadas com o básico, enquanto outras exibem mais funcionalidades, como o sensor de frequência cardíaca. Quase todas podem ligar-se a uma aplicação, essencial para manter o utilizador motivado. 

Uma pulseira desportiva deve, acima de tudo, ser confortável de usar. Muitas pulseiras não foram concebidas para notificações e comunicação. Algumas podem ser sincronizadas com o telemóvel para mostrar mensagens, e-mails e notificações de redes sociais, mesmo que o ecrã pequeno dificulte a leitura das mensagens.

Porquê escolher um smartwatch

O smartwatch permite ter as funcionalidades elementares do smartphone sempre “à mão”. Os mais equipados permitem visualizar mensagens, e-mails, notificações de chamadas, compromissos de calendário, notificações de redes e informação de navegação diretamente no pulso.

Muitos também possibilitam fazer pesquisas por voz na internet, ditar respostas a mensagens ou e-mails, atender e fazer chamadas a partir do dispositivo. Alguns dão até a possibilidade de fazer pagamentos em terminais multibanco. Resultado: o tempo de vida útil da bateria pode ser curto em relação às pulseiras. Alguns aparelhos não aguentam mais do que um dia de utilização intensiva longe do carregador.

Voltar ao topo

Compatibilidades e funções

Antes de comprar um smartwatch ou uma pulseira desportiva, se não quer ter uma surpresa desagradável, verifique a compatibilidade desejada: alguns dispositivos são compatíveis apenas com telefones Android, e outros, como os da Apple, apenas com iPhones. Verifique, também, se o equipamento tem todas as funções de que necessita.

Funções inteligentes

As funções inteligentes permitem operar o smartphone a partir do pulso.

  • Funções de chamada: se o aparelho mostra as chamadas recebidas e quem está a ligar, se dá a possibilidade de atender ou rejeitar a chamada e se permite fazer chamadas a partir do próprio dispositivo.
  • Notificações de telefone: notificações de mensagens, WhatsApp, calendário ou redes sociais como o Facebook e o Twitter. Alguns modelos permitem ler todo o texto e responder diretamente a partir do dispositivo.
  • Pagamento NFC: a tecnologia NFC permite-lhe pagar as suas compras, aproximando apenas o dispositivo de um terminal de pagamento.
  • Controlo do telefone: inclui controlo da câmara e do player de música do telefone.
  • Controlo de voz: alguns dispositivos reconhecem comandos de voz e podem responder a indicações como "que horas são", "ligar ..." ou "ir para ...".

Funções fitness

As funções fitness são várias e estão relacionadas com a atividade desportiva.

  • Contador de passos: conta os passos dados durante o dia. Na aplicação associada ao dispositivo, pode consultar estatísticas relacionadas com um determinado período de tempo (dia, semana, mês ...).
  • Calorias: estes dispositivos também estimam as calorias consumidas durante a atividade.
  • Medidor de distância: calcule a distância percorrida usando o GPS do telefone e/ou o GPS integrado do dispositivo. Caso o smartwatch ou pulseira não possuam GPS integrado, será necessário transportar o telefone para ter acesso a este parâmetro.
  • Monitor de frequência cardíaca.
  • Altímetro: alguns modelos possuem este instrumento, que mede a altitude acima de um ponto de referência, como o nível do mar.
  • Submersível e adequado para natação: alguns dispositivos são capazes de detetar automaticamente a atividade realizada e podem ser usados na prática de natação.

Funções de saúde

Os dispositivos, na tentativa de serem cada vez mais versáteis, têm vindo a aumentar o número de funções relacionadas com a monitorização de saúde.

  • Pulsoxímetro: permite determinar a percentagem de saturação de oxigénio no sangue.
  • Medidor de pressão arterial: mede a pressão arterial, ou seja, a pressão sistólica e a pressão diastólica.
  • Eletrocardiograma (ECG): graças a sensores elétricos, regista a atividade do coração, que pode ser visualizada na aplicação associada ao dispositivo.
Voltar ao topo

Apps para atividade física

Para quem só agora decidiu praticar atividade física com regularidade, é provável que comece pela corrida ou bicicleta. Para monitorizar estas aventuras, existem dezenas de aplicações para telemóvel. Muitas são gratuitas ou, pelo menos, com algumas funcionalidades gratuitas. As funcionalidades que oferecem substituem na perfeição uma pulseira. Não invista já numa pulseira. Explore a app: pode ser mais do que suficiente. O único inconveniente é ter de levar o telemóvel consigo, sempre que for fazer desporto.

Quero evoluir na corrida

Se já corre com regularidade, uma pulseira pode não ser suficiente, sobretudo porque a maioria não tem GPS sem a companhia do telemóvel. Para não ter de levar o telemóvel atrás quando for correr, opte por um relógio de corrida, que tem GPS integrado.

Para utilização avançada

Para atletas avançados, um smartwatch é a melhor aposta. Neste caso, conta com funcionalidades avançadas. Prefira um com banda de ritmo cardíaco (de pôr ao peito). Estas garantem mais rigor na medição, quando comparadas com os medidores integrados, que medem no pulso, mas, normalmente, são adquiridas à parte. Quanto a funcionalidades, deve contar com modos de treino avançados que permitam definir treinos intervalados (com alterações de ritmo) ou séries. Também devem permitir definir treinos em função da zona cardíaca. Muitos já permitem definir percursos para guiar a corrida. A autonomia mínima é de 10 horas. Os modelos mais avançados superam as 24 horas de registo, com o GPS ligado.

Voltar ao topo

Questões frequentes

Respondemos às principais dúvidas sobre smartwatches e pulseiras desportivas.

Quanto dura a bateria de um smartwatch?

Há grandes diferenças entre modelos. As baterias dos smartwatches menos autónomos podem durar de um a três dias e as dos mais autónomos até duas semanas. As baterias das pulseiras desportivas têm uma duração superior, que pode perfeitamente chegar a uma semana sem carregamento.

Os smartwatches são à prova de água?

Nem todos. Consulte as especificações do fabricante ou o código IPXX para comprovar o nível de resistência à água, especialmente se pretende nadar com ele.

Os dados médicos dos smartwatches ou das pulseiras são fiáveis?

Nem os smartwatches nem as pulseiras oferecem resultados suficientemente fiáveis para serem utilizados como ferramentas de autodiagnóstico de alguma condição médica. Podem dar orientações gerais, mas sempre sob aconselhamento médico. Em alguns casos, podem, inclusive, transmitir uma sensação enganadora de segurança.
Voltar ao topo