Dicas

5 regras para fotografar melhor

04 setembro 2015

04 setembro 2015

Adicionar movimento ao plano de fundo, obter mais detalhes nas zonas de sombra ou suavizar o flash são apenas alguns truques que permitem melhorar o resultado das suas fotos.

Tirar uma foto das férias está ao alcance de qualquer um. Já conseguir os melhores resultados em situações difíceis exige alguma mestria técnica. Antes de se equipar, escolha a máquina fotográfica com a ajuda dos nossos testes.   

Movimento no plano de fundo
Um automóvel que circula ou um desportista em plena ação podem ganhar vida se lhes adicionar movimento no plano de fundo. Como obter este resultado? Basta acompanhar o movimento com a máquina no momento em que carrega no disparador, como se estivesse a filmar. Procure manter o objeto no mesmo ponto do enquadramento e gire apenas o tronco. O objeto fica nítido e o fundo arrastado. O segredo é adaptar o tempo de exposição. Evite um valor demasiado rápido, pois congela toda a foto e anula o efeito de arrastamento. Já se aplicar demasiado o zoom no momento do disparo, a foto pode ficar muito arrastada.

Mais detalhes nas sombras
Para fotografar, por exemplo, uma paisagem com zonas de sombra e um céu azul, basta regular a exposição no momento da focagem. Carregue no disparador até meio, para focar, re-enquadre e dispare, sem nunca retirar o dedo do botão. Ao focar numa zona mais escura, o aparelho adapta-se captando mais luz e realça os detalhes nessa zona.

Flash menos agressivo
Em algumas situações, é preferível evitar o flash, para conservar um ambiente natural, noutras, aquele é indispensável. Mas, se fizer incidir o flash diretamente no objeto a fotografar, arrisca-se, muitas vezes, a obter cores frias ou um clarão de luz. Se tiver um flash externo, pode orientá-lo para uma superfície (por exemplo, o teto) ou recorrer a um difusor. Este faz com que a luz se propague em todas as direções de modo uniforme, mas mais suave. Outro truque é reduzir a potência do flash, se o equipamento o permitir.

Cores mais naturais
Por vezes, as cores de uma foto parecem pouco naturais, o que pode estar associado a uma má regulação do balanço de brancos. A maioria dos aparelhos permite fazer esta regulação manualmente. Para testar, fotografe uma zona branca (uma parede ou uma folha de papel, por exemplo) com a iluminação (fluorescente, etc.) que coloca problemas. Em seguida, faça a alteração manual no menu. Após adaptar o balanço de brancos, pode tirar a sua fotografia com a luz ambiente, sabendo que terá cores naturais.

Segredo de um retrato profissional
Regule o diafragma para a maior abertura possível: escolha o valor mais baixo, de preferência, inferior a f: 3.5. Em seguida, aplique o zoom no máximo. Os melhores retratos são obtidos com uma teleobjetiva, que respeita melhor as proporções do rosto e mantém o fundo mais desfocado. Algumas máquinas têm uma função de retrato automática, reconhecível pelo pictograma que representa uma cabeça de mulher. Ao ativar este modo, o diafragma abre automaticamente para o máximo. Com frequência, a máquina acrescenta um toque de vermelho ou rosa à tonalidade do rosto.