Notícias

Antivírus: soluções razoáveis a custo zero

05 abril 2017
Antivírus: boas soluções a custo zero.

05 abril 2017
Nem todos os programas de segurança são eficazes. O nosso top dá-lhe a melhor proteção para a sua vida digital. Há promoções que não pode perder.

Início

Muitos consumidores têm o máximo cuidado com os sites que visitam e entendem por isso que não precisam de antivírus. Mas se o PC for atingido por uma coleção de vírus novos, prepare-se para um pesadelo. O melhor é evitar os ataques. O nosso teste revela mesmo soluções razoáveis a custo zero.

Todos os anos, “rebentam” novas ameaças sob a forma de vírus. Estas podem chegar através de uma página web ou via pen USB que ligamos ao computador ou num ficheiro de e-mail. Para evitar problemas, é essencial blindar o computador com um programa eficaz e sempre atualizado.

Testámos e comparámos 15 pacotes de segurança, antivírus pagos e gratuitos, e as funcionalidades do sistema operativo Windows 10 com o Google Chrome, por ser o programa de navegação que oferece mais proteção. Os antivírus foram testados com a firewall do Windows 10. Procurámos sempre testar a opção mais barata que garantisse um nível adequado de proteção antimalware.

Os programas devem proteger de malware e há muitas ameaças: troianos, spyware, ransomware e companhia. Mas também é crucial evitar que se introduzam no computador. Entra em ação a firewall, que fecha e esconde os portos de acesso e tem de resistir aos ataques. Esta também pode bloquear aplicações, protocolos de rede e domínios que comprometam a segurança.

Os antivírus não têm firewall, pelo que funcionam aliados à do Windows. Alguns pacotes permitem juntar a sua firewall à do Windows para trabalharem em equipa. A estas funções juntam-se o antispam e controlo parental.

Antimalware, para que te quero

Um programa com função antimalware deve ser capaz de detetar qualquer ficheiro infetado, repará-lo ou eliminá-lo. A eficácia depende de quão completa é a base de dados que contém a lista dos vírus nocivos. Estas listas são atualizadas pelos fabricantes. Mas os antivírus também deverão ser capazes de detetar vírus desconhecidos com base em comportamentos-padrão.

Alguns programas dependem bastante de recursos afetos ao software, mas localizados na net, sendo menos eficazes a detetar malware quando o computador não tem ligação ativa. Ou seja, offline conseguem uma taxa de deteção muito inferior.

Quando ligamos uma pen USB infetada, e a ligação à net não está ativa e o computador está há algum tempo sem ser atualizado, muitos programas falham. Analisámos ainda a capacidade de bloquear de imediato páginas de phishing ou de malware, impedindo a abertura e a visualização. Os melhores produtos têm uma taxa de 80% de bloqueio, mas os piores ficam abaixo dos 40 por cento. 

Não pedimos nada

Nada escapa aos nossos especialistas. Durante a instalação, vários programas disparam extensões não solicitadas para os browsers. Devem ser desativadas. Por exemplo, o Avira Antivirus Pro instala o Avira Price Comparison.

Please fill the source and the alt text 
Os dois AVG instalam o WebTuneUp. Na versão paga, é uma prática inaceitável.

 

 

Please fill the source and the alt text 
Pago ou gratuito, o programa Avast teima em instalar o Safeprice. Mas não pedimos nada.

 


Imprimir Enviar por e-mail