Resíduos

Reduzir, reutilizar e reciclar. Já conhece os três “r” da sustentabilidade dos resíduos. Acrescente-lhe mais dois: o “r” de recusar e o “r” de redesenhar. Saiba como dar um destino construtivo ao que antes chamava “lixo”

Gestão de resíduos orgânicos

Nada se perde, tudo se transforma

Portugal está muito longe das metas previstas na produção de resíduos por habitante. Em 2019, de acordo com a Agência Portuguesa do Ambiente, cada consumidor nacional tinha produzido em média 513 kg de resíduos, o que significa que Portugal ficou ainda mais longe da meta prevista para 2020 que seria de 410 kg de resíduos por habitante. Desta forma, Portugal encontra-se em sentido inverso à média europeia, onde se tem vindo a registar uma redução da resíduos per capita.

Se é verdade que separamos cada vez mais embalagens, metais, papel/cartão e vidro – e, com isso, reciclamos mais – ainda estamos bastante longe das metas europeias, que determinam que em 2035 teremos de reciclar ou reutilizar 65% dos resíduos que produzimos.

Daremos as pistas para, enquanto consumidor, adotar comportamentos mais sustentáveis, desde os hábitos de compra até ao destino final a dar aos produtos que já não servem, com foco no modelo económico da economia circular: o nosso resíduo não é lixo, é matéria-prima para produção de novos produtos. 

Atualidade

Sabia que o que ontem deitávamos fora pode hoje servir para gerar outra cadeia de valor? Falar de resíduos hoje é dizer que eles já não são “lixo”. Saiba o que pode fazer por si e pelo planeta.

Ver todos

Reduzir, Reutilizar, Reciclar: 15 ideias criativas para toda a família


Exijo fora da caixa

#EXIJOFORADACAIXA

JÁ REPAROU NA QUANTIDADE DE EMBALAGENS QUE DEITA FORA?

SAIBA MAIS

Calculadora Ambiental

Conheça a calculadora que revela o impacto das suas escolhas diárias no ambiente, e lhe dá conselhos práticos sobre como o reduzir, em áreas como água, energia, mobilidade ou resíduos.

Comece já