Dicas

Medicamentos antigripais são desaconselhados

Os antigripais combinam várias substâncias ativas, incluindo anti-histamínicos, descongestionantes, paracetamol ou ácido acetilsalicílico, vitamina C e cafeína.

Em geral, podem ser comprados sem receita médica, mas não são recomendados, por diversas razões:

  • têm vários princípios ativos, logo o risco de efeitos adversos é maior, sem aumento de eficácia;
  • podem incluir uma substância contraindicada para o paciente, que pode tomá-la sem se aperceber;
  • existe a possibilidade de sobredosagem, se tomar outro medicamento com um princípio ativo presente no antigripal;
  • se o doente não apresentar todos os sintomas que o fármaco trata, acaba por tomar medicamentos sem necessidade;
  • a dose de certas substâncias é inferior à recomendada. Algumas combinações incluem, por exemplo, um miligrama de clorofeniramina, quando um adulto deve tomar quatro miligramas;
  • há ainda os que contêm substâncias sem eficácia comprovada, como a vitamina C.

A solução é tomar medicamentos individuais para cada sintoma. Se tiver febre, por exemplo, tome paracetamol ou ibuprofeno. Caso sofra de alergias, veja com o seu médico se precisa de um anti-histamínico. As dores de garganta, em geral, aliviam com chá morno, limão e mel. Se for mais prático, pode recorrer a um anestésico, como a benzocaína. 

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade.

Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva a qualquer momento.

Junte-se a nós