Dicas

Cuidar de um doente em casa

26 março 2015
Cuidar de um doente em casa

26 março 2015

Quem sofre de uma doença incurável e progressiva, como cancro e demência, prefere ser tratado em casa. Pesquisámos o preço de muletas e outro material e ajudamos os cuidadores a lidar com a doença.

Tomar os comprimidos

Os medicamentos possuem diversas formas, que podem ser adaptadas à situação do doente. Para pessoas com dificuldade em engolir, os líquidos, os comprimidos dispersíveis, os supositórios, os cremes ou os produtos para inalar são alternativas a considerar, caso existam para o princípio ativo em causa. Outra hipótese é esmagar os comprimidos ou abrir as cápsulas e dissolver as substâncias na água. Mas os medicamentos de libertação prolongada, que indicam algumas letras na embalagem (por exemplo, LA, SR, TR e CRT), não devem ser esmagados, sob perigo de overdose ou outros efeitos secundários. Informe-se com o médico.

Existem outros truques para facilitar a toma da medicação. Humedecer a boca com saliva ou água ou reter água na boca antes de introduzir o comprimido são medidas que podem ajudar. Juntar o queixo ao peito força a abertura da traqueia, pelo que é mais eficaz do que inclinar a cabeça para trás. Engolir o comprimido juntamente com a comida (por exemplo, com um pedaço de pão) é outra estratégia. Se nenhuma destas soluções resultar, pode ser preciso recorrer à forma injetável.