Dicas

Cuidar de um doente em casa

26 março 2015
Cuidar de um doente em casa

26 março 2015

Quem sofre de uma doença incurável e progressiva, como cancro e demência, prefere ser tratado em casa. Pesquisámos o preço de muletas e outro material e ajudamos os cuidadores a lidar com a doença.

Depressão

Cerca de metade das pessoas com doença terminal passam por ansiedade e depressão no momento em que são diagnosticadas, o que afeta negativamente a sua qualidade de vida. A mesma percentagem é encontrada nos estados mais avançados da doença. Muitas vezes, os sinais da depressão não são reconhecidos pelos profissionais de saúde, assistentes sociais e funcionários de lares de idosos, o que deixa o doente sem apoio psicológico.

É normal sentir revolta, tristeza e impotência, mas, se estes sentimentos persistirem e o doente não for capaz de lidar com eles, é possível recorrer a antidepressivos, combinados com aconselhamento ou terapia comportamental. Um eficaz controlo da dor, com analgésicos fortes, também costuma reduzir os sintomas depressivos.