Dicas

Disfunção erétil: causas e tratamentos

18 julho 2013

18 julho 2013

A disfunção erétil poderá estar relacionada com uma doença cardiovascular ou diabetes. Ouse falar com o médico para identificar a causa e encontrar a solução para si.

Início

Um problema de ereção pode ocorrer pontualmente e de forma transitória a qualquer homem e em qualquer idade, devido a uma situação de stresse, por exemplo. Os médicos consideram existir um problema de disfunção erétil quando a situação é persistente e sistemática há, pelo menos, três meses, impedindo de ter e manter uma ereção suficiente para uma relação sexual satisfatória.

Embora benigno, este distúrbio pode afetar o bem-estar psicológico e social do paciente, com impacto considerável na sua qualidade de vida e na do(a) parceiro(a). Com frequência, trata-se de uma manifestação de um problema de saúde, como uma doença cardiovascular ou diabetes. É importante consultar o médico e referir dificuldades neste domínio. Na maioria dos casos, tem tratamento.

A disfunção erétil poderá ser de ordem psicológica, física ou uma combinação das duas. Na maioria dos casos, a disfunção erétil deve-se a problemas físicos. Quando o homem continua a ter ereções matinais ou durante a masturbação, mas não é capaz de a manter durante uma relação sexual, a causa é provavelmente psicológica e poderá estar relacionada com stresse, ansiedade, depressão, problemas conjugais ou trauma sexual de infância.


Imprimir Enviar por e-mail