Dicas

Diabetes: saber conviver com a doença

07 abril 2016 Arquivado
Dicas para melhor conviver com a diabetes.

Arquivado

Este ano, o Dia Mundial da Saúde, 7 de abril, é dedicado ao combate à diabetes. Uma alimentação equilibrada e 30 minutos de atividade física diária são essenciais para controlar a doença que afeta mais de um milhão de portugueses.

Dicas para controlar a doença

Os produtos especiais, como chocolates, bolachas, compotas, marmelada, são caros, desnecessários e podem levar a consumos excessivos. É preferível fazer alimentação completa, variada e equilibrada e controlar os níveis de glicose no sangue.

  • Não fique muitas horas sem comer.
  • Coma várias vezes ao dia: no mínimo, 6 refeições diárias.
  • Faça intervalos regulares entre refeições de 3 a 3 horas e meia.
  • O jejum noturno não deve ser superior a 8 a 10 horas.
  • Consuma quantidades de alimentos adequadas às suas necessidades, evitando tanto excessos como restrições alimentares.
  • Distribua os hidratos de carbono ao longo do dia, para conseguir controlar os níveis de açúcar no sangue e facilitar a adequação das doses de insulina. 
  • Pode comer doces, desde que com moderação e nunca com o estômago vazio, para evitar picos de glicose.
  • Não ingira mais de 10% do Valor Energético Diário, isto é 200 kcal, o equivalente a 50 g de açúcar. Se ingerir apenas 5% do valor energético diário, que corresponde a 25 g de açúcar (o equivalente a 3 pacotes de açúcar) terá mais benefícios para a saúde.
  • Opte por alimentos ricos em fibras, como os cereais integrais, pão escuro, leguminosas (como o feijão, o grão e as ervilhas). Os legumes e a fruta ajudam a controlar os níveis de glicemia e a regular o apetite.
  • Escolha alimentos com pouca gordura, como leite, carnes e queijos magros e modere o consumo de sal, para evitar aumentos da tensão arterial.
  • Evite o consumo de bebidas alcoólicas e prefira-as apenas à refeição. O álcool pode causar hipoglicemia, ou seja, uma quebra da glicose no sangue, se toma insulina ou antidiabéticos orais.
  • Consulte os rótulos dos alimentos, veja os açúcares mencionados na lista de ingredientes e a quantidade descrita na declaração nutricional. 
  • Antes de iniciar uma dieta, consulte uma nutricionista ou dietista para calcular as suas necessidades energéticas diárias e distribuir os hidratos de carbono e os outros nutrientes pelas refeições e adaptar o plano à toma de antidiabéticos orais ou insulina.