Notícias

Secadores: mantenha estes quatro modelos longe do seu cabelo

Início

Quatro modelos de secadores de cabelo chumbaram num teste de segurança elétrica a que submetemos 15 aparelhos. Dois deles acabaram mesmo por incendiar-se no laboratório.

  • Dossiê técnico
  • Ricardo Pereira
  • Texto
  • Ana Santos Gomes
25 setembro 2018
  • Dossiê técnico
  • Ricardo Pereira
  • Texto
  • Ana Santos Gomes
secadores cabelo

IstockPhoto

Secadores baratos, simples e com poucas funcionalidades têm de ser tão seguros quanto qualquer outro modelo de maior complexidade ou de preço mais elevado. Por isso, testámos 15 modelos básicos em laboratório. Quatro deles revelaram-se perigosos. Um quinto modelo foi eliminado por alegar uma potência muito superior à real.

 

Veja outros produtos perigosos

Verifique se tem algum destes modelos em sua casa.

 

ROWENTA CV5384: a placa que envolve os botões do aparelho é pouco robusta. Em caso de montagem e desmontagem sucessiva (por exemplo, para reparação do cabo), a placa pode soltar-se facilmente e a mão do utilizador pode entrar em contacto com as partes ativas do interior do aparelho. Há risco de eletrocussão.
 

rowenta CV 5384

Se a placa cair, as partes ativas do interior ficam expostas. Foto: João Ribeiro
 

SELECLINE 871466/RW807B: este modelo comercializado exclusivamente pelo Grupo Auchan já não está à venda, mas alguns consumidores ainda o poderão ter em casa. Chumbou no teste quando reduzimos a velocidade do motor e o fluxo de ar emitido pela ventoinha, simulando uma eventual avaria ou desgaste do motor. O aparelho incendiou-se porque a temperatura no interior subiu.
 

 SELECLINE 871466/ /RW807B

O secador incendiou-se durante o teste em laboratório. Foto: João Ribeiro
 

 

BECKEN BPHD 2663: este secador comercializado exclusivamente pela Worten também começou a incendiar-se perante um bloqueio do motor. Esta simulação demonstra o que aconteceria se o secador sofresse uma repentina avaria ou bloqueio do motor. 
 

BECKEN BPHD 2663

O laboratório encheu-se de fumo com o secador da Becken. Foto: João Ribeiro
 

TAURUS ALIZE EVOLUTION 2200: simulando uma significativa redução da velocidade do motor, compatível com um credível desgaste do produto após muitas utilizações ou com uma avaria, parte do secador simplesmente derreteu e expôs as partes vivas do seu interior, ainda incandescentes.
 

TAURUS ALIZE EVOLUTION 2200

O secador da Taurus derreteu. Foto: João Ribeiro
 

 

O secador que diz que é mais do que é

 
Além de quatro modelos classificados como “perigosos”, o teste de segurança elétrica detetou ainda um desvio superior a 10% na potência anunciada pelo AEG Profi-FOEN HT5580. O secador dizia ter 2300 watts de potência, mas nem a 1900 watts chega, na realidade. Não constitui um modelo “perigoso”, mas chumba igualmente no teste, por mentir aos consumidores.
 

AEG Profi-FOEN HT 5580

O secador da AEG tem uma potência real inferior a 1900 watts. Foto: João Ribeiro
 

 

Não deveriam estar à venda

 
O teste de segurança foi realizado em laboratório devidamente acreditado para este fim e seguindo na íntegra todas as normas em vigor para testes a secadores de cabelo. 
 
Para estes produtos estarem à venda e exibirem a marcação CE não podem apresentar estas não-conformidades. Por isso, e perante os indicadores obtidos, o teste foi repetido, para confirmação dos resultados.
 
Antes de divulgarmos esta notícia, todos os comercializadores foram informados dos problemas detetados. Algumas, nomeadamente a Auchan e a Worten, optaram por repetir os testes e confirmar a nossa denúncia. Outras remeteram-se ao silêncio. O grupo Auchan, que comercializa o modelo Selecline eliminado no nosso teste, foi o único que suspendeu, preventivamente, a comercialização deste secador, enquanto aguarda os resultados de novos testes.
 
Comunicámos também estes resultados à Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), de quem esperamos a atuação mais adequada para garantir que estes produtos são efetivamente retirados do mercado.
  

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.