Dicas

Sinais na pele: vigie alterações

03 julho 2019
melanoma

Vigiar a pele periodicamente ajuda a detetar alterações nos sinais. Acompanhe os rastreios do cancro da pele, organizados a propósito do Dia do Euromelanoma.

Sinais de alerta

A cor dos melanomas varia entre o castanho ou preto, azul ou mesmo laranja. Os melanomas são, habitualmente, assimétricos, com bordos irregulares, de cor não uniforme e diâmetro superior a 0,6 milímetros. A pele em redor do sinal pode apresentar feridas, crostas ou vermelhidão. Por vezes, o tumor assemelha-se a uma “bolha de sangue” e pode dar comichão ou dor.

Como distinguir sinal de melanoma

O "ABCDE" dos sinais ajuda a distinguir um sinal benigno de um maligno. Vá ao médico de família ou ao dermatologista se o sinal sofreu uma destas alterações: 

  • assimetria: metade do sinal diferente da outra metade;
  • bordo irregular ou mal definido;
  • cor irregular, sinal que escurece, perde a tonalidade ou fica com várias (azul, vermelho, branco, rosa, púrpura ou cinzento);
  • diâmetro superior a 6 milímetros;
  • evolução no tamanho, volume ou aspeto, adquirindo uma superfície escamosa ou com crosta.

Também deve ir ao médico se um sinal causar dor, comichão, ardor ou sangrar.