Dicas

Aparelho dentário: como escovar bem os dentes

24 fevereiro 2015
aparelho dentes

24 fevereiro 2015

A utilização de um aparelho não é um obstáculo à boa higiene da boca. Para que o tratamento seja bem-sucedido, é necessário rigor na higiene oral e alguma disciplina.

Os aparelhos de ortodontia podem ser fixos ou removíveis, mas os primeiros são os mais utilizados. Ambos facilitam a acumulação de placa bacteriana, ou seja, de uma massa de restos de comida, saliva e bactérias, entre outros. Esta massa adere à superfície dos dentes, mas também se acumula nos espaços entre estes e junto à linha das gengivas.

Material indispensável
Para começar, quem usa um aparelho fixo precisa de uma escova de cabeça pequena, filamentos suaves e a extremidade arredondada. Convém utilizar uma pasta dentífrica com flúor, para tornar o esmalte mais resistente aos ácidos da comida e protegê-lo das bactérias e dos seus ácidos que, como são líquidos, conseguem chegar às zonas mais difíceis. 

Deve usar escovilhões próprios para as áreas de difícil acesso, como o espaço entre o dente e o arame do aparelho ou entre dentes mais espaçados. O aparelho fixo é constituído por brackets (pequenos quadrados fixados a cada dente) e bandas (espécie de âncoras para o aparelho, que podem ser colocadas à volta de vários dentes ou de um, geralmente um molar) ligadas entre si por um arco de metal. As zonas onde se acumula mais placa bacteriana são precisamente os brackets e as bandas.

Quem usa um aparelho removível, deve ter duas escovas. Uma de cabeça pequena e filamentos macios para escovar os dentes, e outra para o aparelho, para evitar que microrganismos diferentes passem da boca para o aparelho e vice-versa. Nos removíveis, há apenas um cuidado diferente de quem não usa aparelho: depois de muito bem escovado com pasta de dentes, o aparelho deve ser enxaguado com água e colocado na boca. Para guardar, é preciso adicionar um desinfetante à água.

A escovagem nos aparelhos fixos
Todas as superfícies têm de ficar bem limpas:
  • começa-se pelos arcos. Com os tufos externos da escova, faça movimentos horizontais de pequena amplitude para retirar restos alimentares dos brackets;
  • com a escova inclinada a 45º, escova-se a zona entre a gengiva e o bracket, ao longo de toda a arcada, no sentido da gengiva para o dente;
  • de seguida, avance para as zonas entre os brackets e as superfícies que mastigam. Posteriormente, escove a face interna dos dentes molares com a escova inclinada a 45º. A face interna dos incisivos escova-se na vertical;
  • por fim, limpe as superfícies mastigatórias dos dentes e bocheche com água;
  • após a escovagem, utilize um escovilhão interdentário e bocheche com um colutório com flúor. É semelhante aos elixires, combate o mau hálito e as cáries devido ao flúor.

Alimentos a evitar
Enquanto durar o tratamento, evite caramelos, pastilhas elásticas, alimentos duros (por exemplo, bolachas ou cenouras cruas), porque podem deformar ou mesmo partir os arames do aparelho. Bebidas doces ou com gás e açúcar podem afetar o esmalte à superfície e provocar lesões permanentes nos dentes. 



Imprimir Enviar por e-mail