Como testamos

Como testamos: pastas de dentes branqueadoras

26 janeiro 2017
pastas branqueadoras não branqueiam

26 janeiro 2017
Testámos 13 pastas de dentes branqueadoras e duas ditas normais, a mais vendida e uma das mais baratas, para representar as marcas dos supermercados. Objetivo: saber se as primeiras tornam os dentes mais brancos, como anunciam na publicidade.

Em laboratório, medimos o índice de abrasividade (desgaste dos dentes  e verificámos a eficácia na remoção de manchas, bem como a quantidade de flúor.

A tonalidade e o brilho dos dentes foram avaliados por um especialista, que os comparou com uma escala de tons (Vitapan). A avaliação ocorreu antes e depois de as marcas serem usadas por um painel de 30 utilizadores, ao longo de 30 dias.

Durante o estudo, todos os participantes utilizaram o mesmo tipo de escova, lavaram os dentes apenas com os dentífricos testados e não recorreram a produtos que pudessem interferir nos resultados, como elixires.

Os utilizadores também avaliaram o sabor, a textura, a frescura e os efeitos das pastas, através de questionário.de um questionário.