voltar

Falta de cobrança + taxa incumprimento

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

C. S.

Para: Universo

29/09/2022

A 29/07 entrei em contacto telefónico com o universo pois pretendia liquidar determinadas parcelas em dívida no meu extrato e pretendia que me indicassem o valor exato. Após relatar todas as parcelas em questão, foi-me enviada por parte do universo uma mensagem com o valor a pagar. O mesmo funcionário que me atendeu informou que o facto de eu querer fazer este pagamento livre não iria inibir a cobrança da mensalidade prevista para 08/08, e também não seria essa a minha intenção. Efetuei o pagamento livre para liquidar as parcelas e fiquei a aguardar que o valor deixasse de estar cativo para voltar ao contacto com o Universo e pedir para alocar o valor pago às parcelas que queria liquidar. Quando o valor deixou de aparecer como cativo, na aplicação, assim fiz porém a funcionária que atendeu a chamada disse que nada podia fazer pois ainda constava do lado deles como cativo. Aguardei mais uns dias e repeti o procedimento. Desta vez ficou registada a minha vontade e aparentemente o valor que paguei foi alocado tal como havia solicitado. Passados uns dias recebi por e-mail com a indicação de que o valor que eu tinha pago, de forma livre, não era suficiente para liquidar as parcelas que pretendia liquidar. Reparei ainda que a mensalidade prevista para dia 08/08 ainda não tinha sido cobrada e até já nem aparecia indicada na aplicação. Entrei novamente em contacto com o universo e foi-me dito pela funcionária que atendeu a chamada que o valor que me indicaram ser necessário para liquidar as parcelas em dívida não estava correto e como tal não era suficiente. Para agravar a situação, após ter comentado que a mensalidade não tinha sido cobrada tal como previsto, a funcionária informou que tinha ocorrido um erro no sistema e que, pelo facto de ter efetuado um pagamento livre o mesmo inibiu a cobrança da mensalidade nesse mês. Posto isto, a funcionária indicou que se eu pretendesse mesmo liquidar as parcelas que já havia solicitado no primeiro contacto do dia 29/07 deveria fazer outro pagamento livre. Optei por deixar a situação tal como estava e ficar com esses montantes em aberto para cobrança nos extratos e meses seguintes. Passados alguns dias recebi mensagem escrita a reportar que deveria fazer o pagamento mínimo de 15€ pois estava em incumprimento para com o universo. Contactei novamente e foi-me indicado que uma vez que a cobrança da mensalidade não havia sido feita nesse mês eu deveria fazer esse pagamento mínimo e que já me tinha sido imputada uma comissão de recuperação de valores em dívida cujo montante era de 12,48€. Como nunca esta situação havia acontecido questionei a razão pela falha na cobrança ao que me indicam que poderia ter sido uma falha do meu banco ou mudança de Iban. Com efeito, contactei o meu banco Santander que após explicar situação me indicou que não tinha sequer existido tentativa de cobrança por parte do universo. E o meu Iban também não sofreu alterações. Com isto chegamos a conclusão que a falha foi do universo por não ter sequer tentado efetuar a cobrança e estar a imputar-me taxas de incumprimento quando foi o universo que não cumpriu com a cobrança e me estava a penalizar por um erro do qual não fui responsável. Efetuei o pagamento dos 15€ conforme solicitado, inclusive efetuei mais um pagamento livre no valor da cobrança de mensalidade que deveriam ter cobrado, e solicitei que me fosse retirado/ressarcido o valor da comissão de recuperação de valores em dívida - 12,48€. Acontece que em vez de me ressarcerem deste valor e retirarem a "penalização" ressarceram os 15€ Neste momento, no presente extrato, não tendo nenhum movimento em dívida com a modalidade pagamento fim do mês, achei estranho estarem a cobrar 15€ . Ao entrar em contacto com o universo foi-me dito que uma vez que tinha pedido devolução deste valor (o que está errado pois não eram estes 15€ que pretendia receber de volta) e os mesmos já tinham amortizado saldo em dívida, este valor voltou a ficar em falta e desta forma estava a ser cobrado na modalidade fim do mês. A conclusão desta situação, e das sucessivas falhas por parte do universo é que eu estou a passar por incumpridora e a pagar taxas de incumprimento por falha do universo que não tentou sequer cobrar uma mensalidade como sempre fizeram sem qualquer problema. Desta forma exijo ser ressarcida do valor da comissão de recuperação de valores em dívida.

Solução pretendida

  • Reembolso: € 12,48