voltar

Pedido de reparação da viatura

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

P. C.

Para: Mapfre Seguros

05/09/2022

Número de Processo de Sinistro 202210111588 Exmos Srs - No dia 08/07/2022 quando estava parado com a minha viatura numa passadeira de peões fui abalroado por uma outra viatura causando danos na parte traseira da minha viatura. - De imediato o outro condutor assumiu a total responsabilidade e preenchemos declaração amigável que posteriormente remiti a V.excªs. - Foi efectuada peritagem em oficina por vós recomendada e no dia 08/08/2022 fui informado que deveria contactar a referida oficina que já tinha ordem para efectuar a reparação. - Quando tentei agendar com a oficina a reparação dos danos da minha viatura fui informado pelo responsável da oficina que a Seguradora só iria custear uma parte da reparação tendo que ser eu a suportar o restante. - Contactei telefónicamente o serviço de sinistros, na pessoa do Sr. Pedro Ribeiro e aí sim fui informado que no relatório da peritagem mencionava que o meu veículo já teria danos numa das peças que necessita de reparação de forma que só suportariam 50% do custo de reparação. Apesar de estranhar este resulado desta peritagem, pois gostaria de saber como é que o Sr. Fábio Teixeira Pereira chegou a esta percentagem e como é consegui perceber que os eventuais danos anteriores no meu veículo não foram agravados neste sinistro, solicitei ao Sr. Pedro Ribeiro que desse instruções à oficina para reparar exclusivamente os danos que o perito considerou terem sido ocasionados por este sinistro. Ao que ele me respondeu que teria que ser eu a falar com a oficina!!! - Mais uma vez contactei a oficina para que reparsemr exclusivamente os danos que o perito considerou terem sido ocasionados por este sinistro. Fui logo informado que tal não seria possível pois tratava-se de substituição de 1 peça e não poderiam reparar só uma parte da peça. - Solicitei então à oficina que vos enviasse essa informação por escrito com meu conhecimento. Deverão ter recebido esse documento no dia 29/08/2022 no entanto envio novamente em anexo. - Até hoje não obtive qualquer contacto da vossa parte daí estar-me a dirigir a vós na tentativa de resolvermos a situação. Gostaria ainda de vos colocar algumas questões: - Porque razão o gestor do processo, Sr.Pedro Ribeiro, não foi transparente nas informações que me foi prestando, tendo que ser eu a pedir que me enviasse, tanto o relatório da peritagem como a autorização de reparação, tendo ainda por cima sido bastante arrogante no contacto telefónico. - Quais foram os critérios de atribuíção da percentagem de 50% no valor suportado por vós na reparação da peça que eventuamente tinha danos anteriores. - Por que razão querem que eu tenha que dispender do meu dinheiro num sinistro no qual a reponsabilidade foi atribuída a 100% ao outro condutor. Resumindo: - O que eu pretendo é a mnha viatura no estado que se encontrava antes deste sinistro. Se não é possível, segundo declaração enviada pela oficina indicada por vós, não sou eu que devo ser penalizado por isso, tendo que dispender cerca de 500€(resultado da peritagem!!) ou ficar com a minha viatura por reparar. Cumprimentos, Pedro Cordeiro

Solução pretendida

  • Reparação