voltar

Contestação sobre recusa de responsabilidade

Caso encerrado Resolvida com sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

P. G.

Para: Zurich Portugal

26/07/2022

Exmos. Srs., venho aqui expor uma situação que está a ocorrer comigo e á qual a seguradora Zurich nega qualquer responsabilidade e ainda afirma que sou culpado. No dia 16/06/22 tive um acidente de viação no qual resultaram danos materiais no meu veículo. Ocorreu num entroncamento onde eu já tinha iniciado a mudança de direção á esquerda (depois de devidamente sinalizada) e o veiculo pesado de passageiros que vinha atrás sem que eu sequer me tivesse apercebido iniciou uma manobra de ultrapassagem ali no entroncamento. Sendo que não houve entendimento foi chamada a PSP ao local e foi feito o auto de ocorrencia. Reclamei o sinistro junto da Zurich e todo esse processo foi célere, nada a dizer. O meu espanto acontece no passado dia 22/07/22 quando recebo uma carta da Zurich com a recusa de responsabilidade no sinistro alegando que eu sou culpado porque segundo eles, eu não "acautelei a mudança de fila". Ora vamos ver, eu sinalizei que ia virar á esquerda naquele entroncamento, tinha a via no sentido contrário livre, portanto nem precisei de parar apenas sinalizei, abrandei e virei é esquerda, onde está a falha ? Segundo o Artigo 41º do Código da Estrada, diz explicitamente que é proibida a ultrapassagem imediatamente antes e nos cruzamentos e entroncamentos. Quem errou aqui ? Foi eu que fiz o que devia ter feito ou foi quem vinha atrás e decidiu ultrapassar num entroncamento ? Não podendo aceitar esta decisão, e uma vez que existe um Código da Estrada que estabelece regras e responsabilidades, venho reiterar a minha insistência para que avaliem melhor o culpado do acidente, mas com o Codigo da Estrada e o auto de ocorrencia da PSP lado a lado

Solução pretendida

  • Revisão da avaliação do culpado do acidente