voltar

Restabelecimento após corte

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

R. S.

Para: EDP Comercial

16/05/2022

Venho por este meio expôr a seguinte reclamação por mau serviço prestado por parte da EDP Comercial. No dia 5 de Maio de 2022 foi cortado o fornecimento de electricidade, por falta de pagamento. Este motivo era certo e não merece qualquer discussão. A situação foi regularizada no dia 6 de Maio às 8h50. O restabelecimento do serviço apenas foi efectuado no dia 9 de Maio. Contactada a EDP Comercial diversas vezes no dia 6 de Maio em que asseguraram inicialmente que o serviço estava regularizado. Contactada a e-Redes confirma que recebeu o pedido de restabelecimento do serviço às 15h30 do mesmo dia. Tem 12h para restabelecer o serviço pelo que podería legalmente efectuá-lo até dia 9. A reclamação deve-se ao facto de ter havido informação incorrecta ou falta de informação correcta, a primeira chamada efectuada para a EDP no dia 6 de Maio às 9h03 para confirmar que estava regularizado o pagamento obteve como resposta que o serviço estava reposto sem ter indicado que o pedido ainda não tinha sequer chegado à e-Redes e que podia pedir prioridade no restabelecimento. Esta informação foi dada pela e-Redes num contacto efectuado ao final do dia que poderia ser pedida prioridade. Voltada a contactar a linha da EDP Comercial confimaram às 19h30 que a informação da e-Redes era correcta, informação essa que deveria ser dada pelo prestador de serviço. A reclamação solicita ser ressarcido por problemas provocados na residência ao estar mais de 3 dias sem fornecimento eléctrico depois do pagamento efectuado e confirmado pela entidade prestadora do serviço. Ter perdido todos os bens perecíveis que estavam congelados bem como os danos provocados por ter que estar todos estes dias numa situação incómoda com uma pessoa com necessidades especiais em casa. A resposta da EDP Comercial à reclamação foi a seguinte e passo a transcrever: "A religação da energia foi pedida ao Operador da Rede de Distribuição Analisada a situação, informamos que recebemos a notificação de pagamento do valor de 366,15 € no dia 06 de maio de 2022 às 08h50m. Conforme estipulado na legislação, pedimos ao Operador da Rede de Distribuição (ORD), entidade que gere a rede que leva a energia a sua casa, para restabelecer a ligação da energia. Não foi possível restabelecer a energia face à sua ausência Informamos que após confirmação com o Operador da Rede de Distribuição (ORD), entidade que gere a rede que leva a energia a sua casa, confirmamos que foi realizada uma deslocação técnica para o restabelecimento de energia do contrato indicado acima, no dia 06 de maio de 2022 às 14h55m. Acrescentamos que não foi possível restabelecer o fornecimento de energia nesta visita técnica devido a ausência do cliente. É necessária a presença do titular do contrato ou de quem o represente Informamos que para restabelecermos o fornecimento de eletricidade é necessária a presença do titular do contrato ou de quem o represente no local de consumo. Não podemos assumir os prejuízos que nos pede Assim não nos é possível assumir o pagamento dos prejuízos que nos pede no seguimento do corte de energia." A justificação não é verdadeira pois estava uma pessoa em casa e o contador de electricidade está no exterior da residência, tendo a mesma sido restabelicida no dia 9 sem qualquer contacto entre ORD e o consumidor, sendo feito remotamente. Sem mais e com os melhores cumprimentos, Rodrigo Silva

Solução pretendida

  • Compensação