voltar

Água imprópria causa danos

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

P. D.

Para: Águas de Cascais

16/03/2022

Na sequência de uma rotura em 12-01-2022 em canalização pública de abastecimento de água junto ao edifício onde habito no 443 da Rua Egas Moniz em São João do Estoril, veio a ocorrer o entupimento de practicamente quase todos os filtros das torneiras de esquadria de minha casa, na cozinha e casa de banho e sendo o pior o esquentador que deixou de passar água, tal como havia ocorrido com as torneiras. Esta não é uma situação única, outras já ocorreram mas que não foram tão graves e deve-se à má execução de reparação onde se permite a entrada de lamas para a canalização, o que levou já em tempos ao entupimento dos filtros do contador e à sua substituição pelos serviços das Águas de Cascais. Nesta situação passou-se uma manhã sem poder utilizar água e com um canalizador a desentupir os filtros, limpar esquentador e purgar a canalização com as águas enlameadas com os custos associados e que já liquidei, o que deu também origem a um gasto acrescido de água que terei que pagar, mais ainda a taxa de saneamento, sem ter sequer usufruído desta água. Desta forma reclamei junto das Águas de Cascais por uma manhã de tempo perdido do meu serviço que não tenho forma de quantificar e os custos associados à intervenção do canalizador, já não falando da água que "consumi" sem ter de facto usufruído desta. Na altura em que efectuei a reclamação às Águas de Cascais a qualidade da água era ainda duvidosa pois cada copo de água tirado da torneira deixava ao fim de alguns minutos um depósito no fundo que não suscitava confiança para consumo. Esta reclamação foi já feita no portal "Livro de Reclamações" online (ROR00000000044447160) e poderia ser feita no próprio site das Águas de Cascais se a opção de reclamação estivesse disponível, o que não foi possível efectuar. As Águas de Cascais entretanto remete-me e-mail onde solicitam que a efectivasse a reclamação, o que fiz e anexei documentação diversas, relatório do técnico, entre outra documentação. Logo em seguida recebo um e-mail das Águas de Cascais recusando responsabilidades alegando que na zona mais ninguém reclamou. Naturalmente que não aceito tal argumentação, não tenho nada a ver com o facto de os outros consumidores quererem ou não reclamar, a mim custou-me dinheiro repor a situação na normalidade e por esse facto reclamo por justiça. Cumprimentos Pedro Diniz

Solução pretendida

  • Reembolso: € 350,00