Caso encerrado Resolvida com sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

R. M.

Para: Via Verde Portugal SA

23/11/2021

Venho por este meio queixar a vossas excelências que no ano passado ao fim de 13 anos a via Verde informou me que o dispositivo estava velho seria necessário mudar fui ao balcão no Porto paguei um novo em maio o banco acabou com o cartão Caixa woman mandou me outro cartão como o dinheiro da via verde saia da conta sempre pensei que seria débito directo( inclusive tenho duas testemunhas que mudaram de cartão e a via verde não lhes cancelou a conta) para meu espanto no dia 19 recebo uma carta da Ascendi com 4.21 € para pagar liguei disse que tinha via verde o aparelho era novo mandaram me aguardar e liguei para a via verde, para meu espanto foi me dito que o meu contrato tinha sido cancelado por falta de meios de pagamento, que me enviaram duas cartas normais, um mail e por fim uma carta registada, onde eu disse que não tinha recebido nada disso e era difícil o carteiro enganar se das 3 vezes porque se tivesse recebido era óbvio que eu trataria de associar o novo cartão não andaria a passar portagens sem a via verde, o único mail que tinha da via Verde foi de 27 de Janeiro e era publicidade, não sendo informado correctamente desloquei me dia 20 à via verde ao Porto onde fui atendido por uma funcionária e uma chefe que em nada quiseram saber do assunto em questão, paga ou vai para as finanças, nunca mas nunca puseram a hipótese de eu nunca ter sido notificado, a minha esposa a que tem o nome associado ao serviço ficou à espera, a funcionária disse me friamente a sua esposa assinou a carta de rescisão, e mostrou me no computador, chamei a minha esposa ela confirmou que não era dela a assinatura, se foi assinado era falsa, a chefe tem que reclamar nos CTT, veio uma menina que sussurrou ouvido da chefe alguma coisa que eu não consegui ouvir mas a resposta da chefe foi clara a menina é Advogada e sabe tudo essa funcionária encolheu os ombros e foi para outro lado paguei 93 euros, fui obrigado aderir a outro dispositivo, porque o que eu tinha à menos de um ano não valia foi para o lixo, e lá fui reclamar aos CTT, nos CTT foi me informado que aquele aviso de recepção não foi assinado, era o nome Maria Cruz e na assinatura tinha Covid 19 logo ninguém tinha assinado, eu fiquei tão cego que nem reparei nesse por maior é verdade é que não fui notificado, nem fazia sentido eu ter sido notificado e não resolver o assunto, porque os extractos sempre chegaram à minha morada, e o mais revoltante é ser mal informado por essa funcionária e a chefe, e nunca porém em causa as cartas nunca terem chegado à minha morada.

Solução pretendida

  • Reembolso: € 100,00

Resposta (3)

Via Verde Portugal SA

Para: R. M.

23/11/2021

Exmos. Senhores, Pela presente, vem a Via Verde Portugal - Gestão de Sistemas Eletrónicos de Cobrança, S.A. ('Via Verde Portugal') acusar a receção de uma comunicação eletrónica através do portal www.deco.proteste.pt. Segundo informação apurada no referido portal, qualquer pessoa poderá, mediante registo no mesmo, inserir uma 'reclamação' com carácter público dirigida a um qualquer prestador de serviços, sendo que a DECO PROTESTE pode não estar envolvida conforme se infere do teor da seguinte mensagem 'Esta reclamação não foi mediada pela DECO PROTESTE nem por qualquer jurista'. Adicionalmente, e sem prejuízo do reconhecimento que a Via Verde Portugal tem pela DECO PROTESTE enquanto entidade que promove e defende os direitos dos consumidores, a Via Verde Portugal não tem como bastar-se com comunicações públicas cujo teor não é mediado pela DECO PROTESTE, vendo-se assim impossibilitada de atender ao pedido. Face ao exposto, entende a Via Verde Portugal que o meio utilizado para reclamar não é o adequado devendo os respetivos reclamantes recorrer, se for o caso, aos habituais mecanismos de atendimento ao cliente por parte da Via Verde Portugal. Com os nossos cumprimentos, Departamento de Operações Serviço de Suporte às Operações [cid:image001.jpg@01D7E086.45CA6310] www.viaverde.pt

R. M.

Para: Via Verde Portugal SA

10/12/2021

Como são os únicos com o monopólio da via verde fazem o que querem e lhes apetece não estou minimamente satisfeito com a vossa resposta péssimo serviço prestado no apoio ao cliente e mais ainda quando este é lesado pela via verde

Via Verde Portugal SA

Para: R. M.

15/12/2021

Exmos. Senhores, Pela presente, vem a Via Verde Portugal - Gestão de Sistemas Eletrónicos de Cobrança, S.A. ('Via Verde Portugal') acusar a receção de uma comunicação eletrónica através do portal www.deco.proteste.pt. Segundo informação apurada no referido portal, qualquer pessoa poderá, mediante registo no mesmo, inserir uma 'reclamação' com carácter público dirigida a um qualquer prestador de serviços, sendo que a DECO PROTESTE pode não estar envolvida conforme se infere do teor da seguinte mensagem 'Esta reclamação não foi mediada pela DECO PROTESTE nem por qualquer jurista'. Adicionalmente, e sem prejuízo do reconhecimento que a Via Verde Portugal tem pela DECO PROTESTE enquanto entidade que promove e defende os direitos dos consumidores, a Via Verde Portugal não tem como bastar-se com comunicações públicas cujo teor não é mediado pela DECO PROTESTE, vendo-se assim impossibilitada de atender ao pedido. Face ao exposto, entende a Via Verde Portugal que o meio utilizado para reclamar não é o adequado devendo os respetivos reclamantes recorrer, se for o caso, aos habituais mecanismos de atendimento ao cliente por parte da Via Verde Portugal. Com os nossos cumprimentos, Departamento de Operações Serviço de Suporte às Operações [cid:image001.jpg@01D7F1C8.6B62A8A0] www.viaverde.pt