voltar

Documentação automóvel final de contrato

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

A. C.

Para: Banco Santander Consumer Portugal

13/07/2021

Venho, por este meio, comunicar a V. Ex., o meu desagrado pela forma como o banco santander consumer está a lidar com a situação de término de contrato de financiamento. Adquiri um motociclo com financiamento pelo Santander Consumer, tendo o mesmo terminado em Novembro de 2020. Acontece que passado 5 meses, escrevi um e-mail, a informar que ainda estava à espera da declaração de extinção de contrato para poder tratar nas devidas estâncias do documento único do motociclo. Declaração essa, cujo valor foi debitado na última prestação do empréstimo mas, que nunca recebi. Perante isto o banco respondeu que no dia 24/12/2020 enviaram para minha morada a tal declaração mas “que esta não veio devolvida, pelo que se quiser uma segunda via terá um custo de 82,45€”. Voltei, a enviar e-mail, a informar os srs. do Santander que na minha morada não chegou qualquer declaração e pedi-lhes que me enviassem de novo, mas que não ia pagar mais por isso. Até porque no meu entender uma declaração desta natureza deveria vir em carta registada, o que não foi o caso. O Santander mais uma vez respondeu que (e aqui pareceu-me resposta de computador) que para envio de 2.a via conforme meu e-mail (no e-mail que enviei anteriormente não peço 2.a via mas sim uma declaração que nunca me chegou em mãos) teria que pagar os tais 82,45€. Assim sendo, não estou disposto a pagar tal valor, o valor da declaração foi-me debitado na altura, a comprovar pelo extracto do próprio banco, quero apenas o documento para regularizar a situação do motociclo. Atenciosamente, André C.

Solução pretendida

  • Envio de declaração comprovativo de término contrato