voltar

Entrega de produto defeituoso - Má fé

Caso encerrado Resolvida sem sucesso

Esta reclamação é pública

Reclamação

F. P.

Para: Radio Popular Eletrodomésticos, SA

21/01/2021

Após 20 dias à espera da entrega de um frigorífico, com desmarcações por parte da Rádio Popular, foi entregue na passada Terça feira e não no Sábado conforme agendado. Por ter ficado remarcada para um dia útil e por questões profissionais, teve que ser a minha mãe de 75 anos a receber a entrega. O frigorífico foi efetivamente entregue, mas com um defeito na porta, o qual foi detetado pela minha mãe só após os senhores da entrega saírem, uma vez que por má fé, para não ficar visível deixaram as portas abertas. O defeito foi detetado minutos depois, quando fechou as portas e ao avisar-me, nesse instante, a rádio popular foi contactada e informada do a corrido. Ainda não tinham passado 30 minutos desde a entrega. Foi aberta ocorrência, ligaram me a saber do fato, com a conversa de que" foi aceite, foi aceite.. Não há nada a fazer" Enviei quando cheguei a casa fotos e cópia do papel que deixaram em casa, que não era mais do que a guia de levantamento do frigorífico velho. A minha mãe não está certa se assinou algo mais, os srs só lhe disseram "assine aqui que é para levarmos o velho". Ontem recebo a resposta da Rádio Popular a dizer que não vão fazer nada porque foi aceite. Questionei o fato de na nota de encomenda vir a indicação de que após a entrega, temos 24h para detetar defeitos e abrir ocorrência, no meu caso foi 30 minutos depois da entrega, e apenas o que dizem é que foi aceite está aceite. É inadmissível, ficar com um produto defeituoso, ainda por mais quando houve má fé. Quem tirou o frigorífico do plástico, não tinha como não ver o defeito na porta. Deveriam ter pedido para verificar e não dar papéis para assinar com a mentira que era apenas para levar o frigorífico velho. Estou à 21 dias sem frigorífico. O que foi entregue não foi mexido e não será utilizado até que esta situação se resolva.

Solução pretendida

  • Troca