Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela PROTESTE INVESTE. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.
1.º MÊS GRATUITO
Conselhos independentes de investimento
página principal > obrigações de empresas
dados em 21/02/2018
Emissão Taxa cupão Divisa Prazo
(meses)
Cotação TAEL Conselho
Banco Europeu de Investimento Junho 2018 7,200% BRL 4 101,120% 3,57%
EDP Finance Junho 2020 2,970% EUR 28 109,380% -0,99%
FC Porto Maio 2018 3,600% EUR 3 99,390% 6,04%
Mota Engil SGPS Fevereiro 2020 2,808% EUR 24 101,450% 2,06%
SL Benfica SAD Abril 2020 2,880% EUR 26 99,490% 3,24%
SL Benfica SAD Julho 2018 3,420% EUR 5 99,900% 3,74%
SL Benfica SAD Maio 2019 3,060% EUR 15 99,580% 3,31%
Sporting CP Futebol SAD Maio 2018 4,500% EUR 3 100,000% 4,40%


Análises mais recentes

Obrigações Portugal Telecom: última oportunidade

Está a terminar o prazo para os credores da Oi optarem por uma das opções de pagamento. Se não agir atempadamente pode ter de esperar 20 anos para começar a receber dinheiro.

Está atento às Obrigações Sénior BPI? Nós também, fique afastado!

Ao longo do ano estiveram mensalmente disponíveis várias emissões de Obrigações Sénior do BPI. O rendimento foi sempre o mesmo e praticamente nulo e não têm a segurança dos depósitos. Ainda assim, há quem subscreva.

Obrigações Sénior BPI: vai mesmo subscrever?

As sucessivas emissões de obrigações sénior do BPI rendem quase zero. Nem sequer têm a segurança dos depósitos. Mas há quem subscreva, pois há vários meses que são comercializadas. Não recomendamos!

ver todas as análises
Beneficie dos nossos
conselhos e protocolos

TESTE GRATUITAMENTE

1 mês sem compromisso!
50% desconto (1º ano)





Avaliação a pedido

Analisamos o seu produto financeiro
Ver como  

Obrigações do Tesouro





Didático







Conteúdo reservado para subscritores X

Vantagens exclusivas

  • Conselhos isentos
  • Avaliação de produtos financeiros
  • Carteiras de ações e de fundos

"Sigo os conselhos da Proteste Investe e, este ano, estou a ter uma rentabilidade de 5% na minha carteira de investimento."