Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela PROTESTE INVESTE. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.
1.º MÊS GRATUITO
Conselhos independentes de investimento

Obrigações de empresas: últimas análises



Análises mais recentes

Obrigações da PT: nada está perdido

O processo judicial no Brasil continua a avançar e foi publicada a versão final da lista de credores.

Obrigações: Porto paga mais do que o Benfica. É bom negócio?

A SAD portista está emitir obrigações a três anos com uma taxa de juro bruta de 4,25%.

Obrigações BPI sénior rendem praticamente nada

O BPI tem em subscrição novas emissões de obrigações sénior e, à semelhança das anteriores, rendem praticamente nada. Os prazos são de dois e três anos, respetivamente. O nosso conselho: fique afastado e não subscreva. Existem alternativas bem mais interessantes.

Obrigações: 46% de ganhos, altura de vender

Alteramos o conselho para a obrigação do Banco Europeu de Investimento em real brasileiro, após acumular ganhos consideráveis.

Venda do Novo Banco à Lone Star preocupa investidores

“Têm vindo notícias que, com a venda à Lone Star, os clientes que têm obrigações do Novo Banco terão que fazer a sua transferência para novas obrigações. Seremos obrigados a aceitar de forma quase imposta os novas obrigações?”

Benfica dá goleada aos bancos?

Um ano após a última emissão, a SAD do SL Benfica lançou uma nova série de obrigações (“Benfica SAD 2017-2020”). Em subscrição até 20 de abril.

Obrigações BPI sénior rendem praticamente nada

O BPI tem em subscrição novas emissões das obrigações sénior e, à semelhança das anteriores, rendem praticamente nada. O prazo é de dois e três anos, respetivamente. O nosso conselho mantém-se: fique afastado e não subscreva!

Tribunal holandês rejeita insolvência da Portugal Telecom International Finance (PTIF)

Os juízes não ficaram convencidos de que os credores da PT/Oi ficarão melhor servidos com a insolvência da PTIF.


Avaliação a pedido

Analisamos o seu produto financeiro

a minha carteira

Teste as suas estratégias de investimento
Criar  

Conteúdo reservado para subscritores X

Vantagens exclusivas

  • Conselhos isentos
  • Avaliação de produtos financeiros
  • Carteiras de ações e de fundos

"Sigo os conselhos da Proteste Investe e, este ano, estou a ter uma rentabilidade de 5% na minha carteira de investimento."