Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e a recolha de dados estatísticos.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela PROTESTE INVESTE. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.
1.º MÊS GRATUITO
Conselhos independentes de investimento

Depósitos de médio e longo prazo rendem menos de 1%

Data da publicação: 09/04/2018

A melhor taxa que encontrámos nos depósitos de médio e longo prazo é de apenas 0,9% líquida. Seja o prazo de dois ou de cinco anos, as diferenças no rendimento não se notam. Prefira as melhores contas de curto prazo, até um ano.

Se pensa que as taxas para depósitos de médio e longo prazo (dois a cinco anos) são mais interessantes do que as de curto prazo, está enganado. É verdade que a expectativa é de subida para as taxas de juros, não se sabe bem é quando iniciará essa inversão. Aliás, como pode ver no quadro em baixo, as diferenças de rendimento não se notam, se optar por um depósito a dois anos ou por um a cinco anos: 0,8 e 0,9% líquidos é o melhor que obtém nesses prazos.

 
 

OS MELHORES DEPÓSITOS DE MÉDIO E LONGO PRAZO

Depósito

Banco

Montante mínimo (euros)

Permite mobilização
antecipada?

TAEL (%)

2 ANOS

Invest Depósito 2 Anos

Banco Invest

2000

Sim, com perda de 50% juros

0,8

Depósito a 24 Meses (não mobilizável)

BNI Europa

1000

Não

0,7

Depósito a 36 Meses

BNI Europa

1000

Sim, com perda total de juros

0,7

3 ANOS

Depósito a 36 Meses (não mobilizável)

BNI Europa

1000

Não

0,8

Depósito a 36 Meses

BNI Europa

1000

Sim, com perda total de juros

0,7

DP Performance

EuroBic

2500

Sim, com perda total de juros

0,5

4 ANOS

Depósito a 48 Meses (não mobilizável)

BNI Europa

1000

Não

0,8

Depósito a 48 Meses

BNI Europa

1000

Sim, com perda total de juros

0,7

Depósito a Prazo a 4 Anos

Banco BiG

1000

Sim, com perda de 85% juros

0,4

5 ANOS

Invest Depósito 5 Anos

Banco Invest

2000

Sim, com perda de 50% juros

0,9

Depósito a 60 Meses (não mobilizável)

BNI Europa

1000

Não

0,8

Depósito a 60 Meses

BNI Europa

1000

Sim, com perda total de juros

0,8

TAEL: taxa anual efetiva líquida. Fonte: preçários dos bancos.

 

Assim, mais vale optar pelo melhor depósito a um ano, que rende 1% líquidos (conta Invest Choice Novos Montantes do Banco Invest, exclusiva para novos capitais).

 

Inflação mais baixa, depósitos na mesma

Se adicionarmos ao baixo rendimento dos depósitos a previsão da inflação para os próximos anos, o cenário é desolador para quem opta por este tipo de investimentos.

 

Recentemente o Banco de Portugal desceu a estimativa da inflação para este ano, que passou de 1,5% para 1,2%. Ainda assim, nenhum depósito a um ano consegue superar essa taxa. Para 2019 e 2020 as estimativas da inflação são de 1,4 e 1,5%, respetivamente.

 

Nenhum dos depósitos de médio e longo prazo iguala ou supera essas previsões, pelo que aplicar o dinheiro em depósitos será sinónimo de perda de valor real das poupanças.

 

Não se acorrente a depósitos que não permitem mobilização antecipada

 

Para prazos de três e quatro anos, o melhor rendimento é apenas de 0,8%, proporcionado pelo BNI Europa numa conta que não permite mobilização antecipada. São depósitos a evitar, pois ficará sem qualquer liquidez, já que não permitem mobilização antecipada e oferecem um rendimento ainda mais baixo do que o melhor a um ano.

 

Quais são as alternativas?

Não coloque todas as poupanças em depósitos: aplique apenas a parte que pode eventualmente necessitar a curto ou médio prazo e escolha sempre as melhores taxas; opte pelos depósitos de curto prazo (até um ano).

 

O restante aplique, por exemplo, numa carteira diversificada de fundos de investimento, numa ótica de longo prazo (veja o nosso protocolo com a Optimize). Caso não seja adepto do risco, há outras alternativas de capital garantido: por exemplo, os seguros de capitalização (veja o nosso protocolo com a Generali) ou mesmo subscrever um PPR (veja o nosso protocolo com a Lusitania Vida). Pode até subscrever o PPR abdicando do benefício fiscal e assim tem sempre liquidez.

Conteúdo reservado para subscritores X

Vantagens exclusivas

  • Conselhos isentos
  • Avaliação de produtos financeiros
  • Carteiras de ações e de fundos

"Sigo os conselhos da Proteste Investe e, este ano, estou a ter uma rentabilidade de 5% na minha carteira de investimento."