Notícias

Supermercados: Jumbo reforça a liderança nos preços

23 setembro 2015 Arquivado
supermercados

23 setembro 2015 Arquivado

Visitámos 480 supermercados e a cadeia Jumbo continua a praticar os preços mais baixos, logo seguido pelas lojas do Pingo Doce. Na morada certa, poupa 350 euros por ano. Lisboa, Faro e Santarém são os distritos com as maiores diferenças de preço.

Início

Para ajudar os portugueses a poupar, voltámos a invadir os supermercados em busca dos preços mais baixos e revelamos o campeão em cada distrito. Na morada certa, pode poupar € 350 por ano. Revelamos o supermercado mais barato para o cabaz de compras adaptado ao seu consumo. Inspire-se na receita para poupar e partilhe com os amigos.

Entre maio e julho, analisámos quase 55 mil preços para 2 cabazes: um com 83 produtos de características definidas, para quem privilegia as marcas do fabricante mais vendidas e outro mais adaptado aos novos hábitos do consumidor, a pensar em quem combina marcas de fabricante com as mais económicas. Visitámos 77 concelhos do País e 4 lojas online. Temos um bicampeão para os dois cabazes em exame, mas a concorrência não dorme. A cadeia Jumbo volta a vencer no território continental, a cadeia Continente Modelo ganha nos Açores e o Pingo Doce arrasa na Madeira. Continuamos a acompanhar as mexidas do setor e a cada investida da concorrência alertamos o consumidor.

A cadeia Jumbo é a melhor solução para o cabaz com as marcas mais vendidas.
A cadeia Jumbo é a melhor solução para o cabaz com as marcas mais vendidas.
No cabaz combinado, a vantagem do Jumbo é mais significativa.
No cabaz combinado, a vantagem do Jumbo é mais significativa.

O melhor negócio por cadeia
No despique por cadeias para encher o carrinho com marcas de fabricante, o Jumbo tomou de assalto a primeira posição no último estudo e ali continua. Impõe o seu domínio nos subcabazes de mercearia, drogaria e frescos. O Pingo Doce melhorou o nível de preços e subiu uma posição no pódio. Com preços 3% mais caros, o Continente ocupa o terceiro lugar.

Para o cabaz combinado, o Jumbo não dá qualquer hipótese aos rivais e cava um fosso maior. A vantagem já é significativa, mas vislumbram-se sinais saudáveis de concorrência. Na segunda posição, a história repete-se: o Pingo Doce luta por um lugar ao sol. As cadeias Continente e Continente Modelo partilham o terceiro posto. Numa panorâmica global, os preços do Jumbo são, em média, 11% mais baratos do que a cadeia no último posto, a Spar.

Se só lhe interessa os produtos de mercearia e drogaria, as lojas Jumbo repetem a liderança. Muito colado, o rival mais direto continua a chamar-se Lidl, que partilha o segundo lugar com o Minipreço. O Continente e o Pingo Doce ocupam a terceira posição. Na categoria dos frescos, pouco mudou. Os melhores negócios moram nas prateleiras do Jumbo, a uma pequena distância dos principais concorrentes, o Pingo Doce e o Intermarché Super, que recuperaram alguns pontos. Também aqui o Spar volta a acusar os preços mais elevados: os frescos são 16% mais caros do que na cadeia Jumbo.

No cabaz combinado, em média, os preços do Spar são 25% mais elevados do que os mais baratos. Meu Super, Coviran e Spar continuam a afundar-se, devido a uma oferta mais reduzida. Mudamos de direção e aterramos nas Ilhas. Nos Açores, brilha a cadeia Continente Modelo e, na Madeira, o Pingo Doce impressiona em toda a frente de combate. No Funchal, a cadeia Pingo Doce assalta a liderança.

Na ilha de São Miguel, nos Açores, registamos mais mudanças. A cadeia Continente Modelo continua à frente da Solmar, que apenas garante um bom despique no subcabaz da mercearia e drogaria. Na ilha Terceira, Continente Modelo e Guarita travam um verdadeiro combate. O Continente Modelo só consegue fazer melhor no cabaz com as marcas mais baratas.

Na rota da poupança
Lisboa, Faro e Setúbal são os distritos onde descobrimos a maior diferença de preços. A poupança atinge sempre a casa dos 20 por cento. Pelo contrário, Guarda, Portalegre e Beja são os distritos com a menor diferença de preços, ou seja, onde o consumidor pode poupar menos. Mas compensa sempre escolher bem. Por exemplo, no distrito de Lisboa, pode poupar até € 350, se optar pelo Jumbo (Dolce Vita Tejo, Amadora), em vez do Spar (Cascais).

Não precisa de fazer grandes viagens. Basta utilizar o nosso comparador. No coração de Lagos, no distrito de Faro, fazer 2 quilómetros vale uma poupança de 210 euros. Caso gaste todos os meses € 150, basta escolher o Pingo Doce (E.N. 125), em vez do Spar (Est. Ponta da Piedade). Quanto maior o carrinho, maior a poupança. Para compras mensais de € 300, poupa € 420 por ano.


Imprimir Enviar por e-mail