Notícias

Investir bem o reembolso do IRS e o subsídio de férias

20 junho 2017 Arquivado
Dicas para investir o reembolso do IRS e o subsídio de férias

Arquivado
Há quem faça obras em casa, aproveite para comprar eletrodomésticos, invista em viagens ou prefira engrossar o pé-de-meia. Os nossos testes e simuladores ajudam a rentabilizar todos os cêntimos.

Obras em casa e poupanças

Outra ideia para investir o reembolso do IRS ou o subsídio de férias são as obras em casa. Há vários tipos de pavimento: azulejo, pedra natural, alcatifa, vinil, linóleo, madeira ou laminados, onde se inclui o flutuante. O pavimento de madeira não é frio, como o azulejo ou a pedra, e é mais fácil de limpar do que a alcatifa. A nossa Escolha Acertada garante boa qualidade por menos de € 9 por metro quadrado.

Ver teste a pavimentos flutuantes

Para pintar a casa, as tintas de água, também conhecidas por tintas plásticas, são muito práticas: secam com rapidez, resistem ao tempo e libertam menos vapores. Pode escolher entre uma grande variedade de acabamentos. Testámos 25 tintas em laboratório e temos uma Escolha Acertada por € 14,99 (lata de 5 litros).

Consultar teste a tintas

Fazer crescer o pé-de-meia

Se prefere poupar o reembolso do IRS ou o subsídio de férias, pondere colocar o dinheiro a render. Um montante de € 1 000 pode ser aplicado com algum rendimento extra. Em maio, os Certificados do Tesouro Poupança Mais ultrapassaram os de aforro em montantes aplicados. Se tem mais para investir, por exemplo € 5 mil, as melhores taxas líquidas a 3 meses são oferecidas pelo Banco Privado Atlântico Europa (1,8%) e Best Bank (1,6 por cento). Também pode optar por prazos maiores, de 6 ou 12 meses. No simulador de contas-poupança, compare todas as propostas do mercado e descubra onde obter o melhor rendimento.

Comparar contas-poupança