Notícias

Como trocar casa para férias em plataformas online

Analisámos as quatro plataformas online mais populares que ajudam consumidores a trocar de casa. Conheça os preços e as regras de utilização.

  • Dossiê técnico
  • Antonieta Duarte
  • Texto
  • Ana Catarina André e Isabel Vasconcelos
29 agosto 2019
  • Dossiê técnico
  • Antonieta Duarte
  • Texto
  • Ana Catarina André e Isabel Vasconcelos
trocar casa ferias

Passar férias em Portugal ou no estrangeiro, sem pagar alojamento, é uma opção atrativa que tem levado ao aparecimento de plataformas online que facilitam a troca de casa. Analisámos as condições e o serviço prestado em quatro das mais populares. Duas delas, a HomeExchange e a Intervac, têm sites em língua portuguesa. As outras duas, a LoveHomeSwap e a Homelink, têm a informação em várias línguas, como inglês, espanhol ou francês, mas não em português.

Para aceder às plataformas, é fundamental começar pelo registo: um processo simples. Segue-se a introdução de algumas informações sobre a casa (descrição, número de pessoas que pode hospedar, equipamentos, entre outras). Na Intervac e na HomeExchange os dados sobre o imóvel são automaticamente publicados na plataforma. Já na LoveHomeSwap é preciso acionar essa informação.

Existem diferentes possibilidades de trocas de casa. As recíprocas podem ser em simultâneo (os membros trocam de casa na mesma altura) ou diferidas (ocorre em períodos distintos). As trocas também podem ser indiretas, ou seja, o utilizador fica num sítio sem ter de ceder a própria casa, mas só poderá fazê-lo se tiver pontos. Estes são conseguidos quando se disponibiliza a habitação a quem estiver interessado e não se usufrui de imediato. O uso de cada uma das plataformas tem um custo associado, em regra pago após o registo.

Quer ver a tabela que compara o funcionamento da HomeExchange, Homelink, Intervac e LoveHomeSwap? Faça login no site para continuar a ler o artigo.

Se ainda não tem conta no site, clique no botão abaixo para se registar e conhecer todas as vantagens.

Junte-se à maior organização de consumidores portuguesa

Num Mundo complexo e com informação por vezes contraditória, a DECO PROTESTE é o sítio certo para refletir e agir.

  • A nossa missão exige independência face aos poderes políticos e económicos. 
  • Testamos e analisamos uma grande variedade de produtos para garantir que a escolha dos consumidores se baseia em informação rigorosa. 
  • Tornamos o dia-a-dia dos consumidores mais fácil e seguro. Desde uma simples viagem de elevador ou um desconto que usamos todos os dias até decisões tão importantes como a compra de casa.
  • Lutamos por práticas de mercado mais justas. Muitas vezes, o País muda com o trabalho que fazemos junto das autoridades e das empresas. 
  • Queremos consumidores mais informados, participativos e exigentes, através da informação que publicamos ou de um contacto personalizado com o nosso serviço de apoio.

A independência da DECO PROTESTE é garantida pela sustentabilidade económica da sua atividade. Manter esta estrutura profissional a funcionar para levar até si um serviço de qualidade exige uma vasta equipa especializada.

Faça parte desta comunidade. Registe-se para conhecer todas as vantagens, sem compromisso. Subscreva em qualquer momento.

 

Junte-se a nós

 

Quanto se pode poupar?

Se planear ir a Nova Iorque em outubro, a Paris em dezembro e a Londres em março, e optar por trocar de casa em vez de alugar um apartamento, pode poupar cerca de 2500 euros. O número de trocas anuais é ilimitado e só tem de ter uma casa para partilhar.

trocar casa ferias

trocar casa ferias

trocar casa ferias

 

Antes de se registar numa destas plataformas, leia com atenção os termos e condições e verifique se selecionou corretamente o país, para poder beneficiar de assistência futura.
Ao efetuar o pagamento da anuidade, confirme se está a autorizar que este seja automático nos próximos anos. Caso não esteja interessado, desative esta funcionalidade.

Também o poderá fazer na área de cliente. Veja ainda se está a dar uma pré-autorização de débito do valor da caução, em caso de danos, e não se esqueça de analisar o seguro proposto pela plataforma (nem todas têm, mas todas indicam a necessidade de o proprietário ter o seu).

Para evitar conflitos, utilize a área disponível para comunicar com os membros e consulte a avaliação e os comentários deixados por outros utilizadores. Deixe também as suas notas de forma a promover a confiança entre todos. É mais uma estratégia para garantir que tudo corre bem. E, se experimentar, resta-nos desejar-lhe boas férias.

 

Este artigo pode ser reproduzido para fins não-comerciais se for indicada a fonte e contiver uma ligação para esta página. Ver Termos e Condições.

Exclusivo subscritores

Experimente já durante 2 meses por apenas €2

Além do acesso ilimitado ao portal, tem mais de 50 juristas ao seu dispor, o cartão DECO + para descontos imediatos e revistas com estudos independentes.

Se já é nosso subscritor, faça login.


Subscrever