Notícias

Afetado pela avaria no aeroporto de Lisboa? A DECO ajuda

Peça a nossa ajuda para obter uma compensação, se foi um dos afetados pela avaria no sistema de abastecimento de combustível do aeroporto de Lisboa, em maio de 2017.

09 fevereiro 2018
aeroporto

Thinkstock

Em maio de 2017, centenas de voos sofreram atrasos e dezenas de outros foram cancelados no aeroporto de Lisboa. As transportadoras não cumpriram com as suas obrigações de assistência, que se aplicam mesmo em circunstâncias de força maior, num claro desrespeito pelos direitos dos passageiros. Se foi um dos afetados, peça a nossa ajuda através do e-mail decolx@deco.pt, porque a Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC) já confirmou que tem direito a uma compensação por parte da companhia aérea.

Muitos passageiros viram-se obrigados a pernoitar no aeroporto sem condições mínimas e sem a assistência devida. A obrigação de assistência implica que em tais situações sejam oferecidas refeições e bebidas em quantidade adequada ao tempo de espera, e alojamento em hotel, caso se torne necessária a estadia por uma ou mais noites.

Ver Direitos dos Passageiros

A DECO reuniu com a ANAC para averiguar o sucedido, alertar para o incumprimento dos direitos dos passageiros amplamente noticiado e encontrar uma solução que garantisse o respeito por esses direitos. A ANAC publicou ontem as conclusões do relatório ao incidente: as transportadoras aéreas são obrigadas a cumprir as obrigações de assistência, bem como a indemnizar os passageiros afetados nos termos previstos pelo Regulamento (CE) n.º 261/2004.

Em causa, poderá estar uma indemnização entre € 250 e 600 euros. O valor concreto depende de o voo ter sido atrasado ou cancelado e da distância do mesmo.
A DECO ajuda gratuitamente os passageiros afetados, mediando o conflito com a transportadora. Basta enviar a sua reclamação para decolx@deco.pt.

 

Imprimir Enviar por e-mail