Notícias

A vida é bela: ajudamos a reclamar de vouchers por utilizar

26 novembro 2012 Arquivado

26 novembro 2012 Arquivado

Continuamos a lutar por uma solução favorável para quem ainda não conseguiu o reembolso dos vouchers. Não rasure o código de ativação, essencial para tentar reaver o seu dinheiro.

Temos conhecimento de que, em resposta a reclamações dos clientes, “a vida é bela” indica o preenchimento de um formulário no seu portal. Contudo, a informação para o pedido de reembolso só é submetida se inserir o código de ativação do voucher, oculto por uma “raspadinha”. Aconselhamos a não rasurar essa zona, onde é indicado que, rasurado, o voucher fica inutilizado. Até agora, não há garantias de que o formulário assegure o reembolso. Além disso, ao rasurar a "raspadinha” arrisca-se a não poder depois apresentar o voucher junto do vendedor onde o comprou.

Alguns leitores enviaram-nos também anúncios de outras empresas que aceitam os vouchers “a vida é bela” para descontar nos seus serviços. Analise bem as condições das campanhas, antes de utilizar o voucher, pois pode não ser vantajoso.

Entretanto, continuamos a tentar obter uma solução para os consumidores lesados junto da “a vida é bela”. Se tem um voucher, envie-nos a referência, número de voucher, valor e data aproximada e local de compra. Acompanhe as novidades aqui no nosso portal e na nossa página no Facebook.

Mais de mil reclamações desde o início de novembro
“Comprei um voucher da ‘a vida é bela’, um refúgio de duas noites num de vários hotéis nacionais, mas quando refiro o pagamento com o voucher, negam a reserva e argumentam que já não têm contrato com a empresa.” As queixas são comuns e surgiram em força no início de novembro, depois de um primeiro sinal de alarme, quando “a vida é bela” justificou-nos que os problemas de reserva eram pontuais.

A “a vida é bela” suspendeu a atividade e está, alegadamente, em incumprimento nos pagamentos aos parceiros. Após recebermos mais de mil denúncias de consumidores, desde o início de novembro que tentamos contactar a empresa. Pretendemos chegar a uma solução com “a vida é bela” para salvaguardar os direitos dos consumidores lesados neste caso.

Quem possui vouchers por aproveitar, deve tentar o reembolso junto do vendedor e também pode reclamar por escrito ao vendedor ou à “a vida é bela”. Utilize as nossas cartas-tipo no menu “Informação relacionada”, à direita. O nosso serviço de informação pode ajudar na reclamação. Ao enviar a sua queixa, dê-nos conhecimento.


Imprimir Enviar por e-mail