Dossiês

Férias com direitos

01 julho 2020
Férias com direitos

Cá dentro ou no estrangeiro, de carro ou avião, em hotel ou casa arrendada, dicas para uma viagem de férias sem problemas.

Casa segura

Durante as férias a sua casa fica mais vulnerável a assaltos e a acidentes. Para evitar surpresas desagradáveis, adote o nosso plano para uma casa segura. 

Iluda os ladrões

Dê a entender que a casa está ocupada: peça a alguém da sua confiança para, de vez em quando, retirar a correspondência da caixa do correio, acender as luzes ou abrir e fechar as janelas. Se mora numa vivenda, deixe o perímetro à volta da casa com iluminação suficiente de baixa voltagem. Considere a hipótese de instalar um sistema de segurança ou contratar os serviços de uma empresa de vigilância.

Seja discreto

Diga que vai estar fora só a quem for necessário. Evite anunciar que vai de férias nas redes sociais e isso inclui não postar selfies na praia. A regra de ouro é publicar o que aconteceu e não o que está acontecer. O site PleaseRobMe.com mostra os perigos de demasiada partilha. 

Aposte numa boa fechadura

Antes de partir, reviste portas de acesso e janelas. Confirme se estão em boas condições. Nas janelas de correr, depois de fechadas e trancadas, deixe um ferro na calha para impedir o deslize. Reforçar a fechadura da porta ou colocar grades nas janelas pode valer a pena. Um sistema de alarme é uma alternativa, mas lembre-se que lhe pode ser exigida uma fidelização que ultrapassa largamente o período de férias.

Contrate um seguro multirriscos

A lei só obriga a contratar um seguro de incêndio para quem habita num apartamento. Se optar por um multirriscos-habitação fica melhor protegido por pouco mais dinheiro. Antes de contratar uma dessas apólices, consulte o nosso simulador. Pondere ainda contratar um seguro para o recheio da casa.

Não facilite com bens valiosos

Joias, obras de arte, coleções valiosas devem ser mantidas num local seguro, como o cofre de um banco. Se preferir, pode instalar um cofre em casa. Não se esqueça de fazer uma lista pormenorizada dos bens, onde constem as principais características (por exemplo, dimensões) e os números de série, se for caso disso. Tirar fotografias é boa ideia. Em caso de roubo, será mais fácil às autoridades localizarem e identificarem as peças.

Considere comunicar à PSP

A Polícia de Segurança Pública, nos meses de verão, disponibiliza-se a efetuar passagens frequentes pela sua habitação, no percurso das suas patrulhas, durante a ausência em férias. Para obter este serviço específico de vigilância, basta dirigir-se à esquadra policial mais próxima da sua casa, antes de partir de férias, comunicando o período de ausência e solicitando que lhe seja fornecido o serviço.